Servidoras do Ibram participam de eventos nas áreas de registro e memória

Neste mês de setembro, duas servidoras vinculadas ao Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) representarão o instituto fora do país. Ainda esta semana, Maria Helena Versiani, pesquisadora do Museu da República (RJ), viaja à cidade de Dresden (Alemanha) para participar da Conferência Anual do Comitê Internacional para Documentação, organizada pelo Conselho Internacional de Museus (ICOM), que acontece entre os dias 5 e 12. Ela irá apresentar o trabalho Memórias de uma coleção histórica.

Museu da República (RJ)

O Museu da República (RJ) guarda acervo que preserva a memória da constituinte de 1988

“O trabalho, resumidamente, discute o processo de formação de um conjunto documental preservado no Museu da República com o nome de Coleção Memória da Constituinte”, explica Maria Helena.

Esse acervo, segundo ela, possui a especificidade de ser uma documentação formada por instâncias da administração pública vinculadas ao Ministério da Cultura (MinC), criadas especificamente para atuar no processo constituinte, que resultou na promulgação da atual Constituição Federal em 1988.

A pesquisadora ressalta que alguns aspectos da formação desse acervo indicam, em grande medida, escolhas políticas dos agentes responsáveis por sua acumulação e organização como patrimônio histórico documental.

“Trata-se de uma coleção museológica que valoriza a redemocratização do Brasil, em contraposição ao regime autoritário imposto no país a partir do golpe de 1964,” conclui Maria Helena Versiani.

Espanha
Já a Coordenadora-Geral de Sistemas de Informação Museus do Ibram, Rose Miranda, que em 2013 apresentou a situação do registro de museus no Brasil no I Encontro do Comitê Assessor do Observatório Ibero-Americano de Museus (OIM) em Toledo (Espanha), se prepara para mais uma atividade no país. Entre 13 e 22 de setembro, ela volta à mesma cidade para participar do segundo encontro do OIM – projeto enquadrado dentro do Programa Ibermuseus.

Matéria relacionada
Observatório Ibero-Americano de Museus se reúne na Espanha

Portaria constitui Comissão de Ética do Instituto Brasileiro de Museus

Com a publicação hoje (1º) da Portaria nº 294, de 26 de agosto de 2014, no Boletim Administrativo Interno do Ibram, foi constituída a Comissão de Ética do Instituto Brasileiro de Museus. Como ato simbólico, o presidente da autarquia, Angelo Oswaldo, fez a leitura da portaria com a presença dos membros da comissão que estão lotados na sede do instituto, em Brasília (DF), e de assessores.

Encontro da comissão com presidente do Ibram marcou início dos trabalhos

Encontro da comissão com o presidente do Ibram marcou o início dos trabalhos

As comissões de ética estão encarregadas de orientar e aconselhar sobre a ética profissional do servidor público federal no trato com as pessoas e com o patrimônio público.

Escolhidos a partir de convocação feita pela Coordenação de Gestão de Pessoas do Ibram a todos os servidores, os membros da comissão possuem mandato de três anos não coincidentes, sendo permitida uma única recondução. Os integrantes não recebem remuneração e o trabalho realizado é considerado “prestação de relevante serviço público”.

“O papel da comissão é essencial para esclarecer posições, mediar e dirimir conflitos internos, além de ser um mecanismo que aprimora a transparência pela valorização da ética pública”, acredita Angelo Oswaldo.

Além dos atuais membros, deverão ser definidos nas unidades que compõem o Ibram, representações regionais e museus, orientadores para eventuais demandas. A primeira reunião da comissão deve acontecer no dia 5 de setembro e será voltada para questões de ordem logística e de construção do regimento interno.

Texto e foto: Ascom/Ibram

Sobre o funcionamento dos museus Ibram nos dias 7 e 8 de maio

Em virtude da anunciada paralisação dos servidores do Ministério da Cultura (MinC) e instituições vinculadas, nos dias 7 e 8 de maio, os 30 museus que compõem o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) podem ter seus horários de atendimento ao público alterados nestes dois dias.

A fim de evitar transtornos, é importante que, neste período, o visitante entre  em contato antes de se dirigir ao museu. Confira quais museus compõem a rede Ibram e seus respectivos contatos.

Texto: Ascom/Ibram

Ibram nomeia novos servidores

Foram publicadas no Diário Oficial da União (DOU) de 10/08, as Portarias Nº 242 e 243.

As Portarias nomeiam, em caráter efetivo, os candidatos aprovados no Concurso Público para Provimento de Cargos Efetivos do Plano Especial de Cargos da Cultura do Quadro de Pessoal do Instituto Brasileiro de Museus.

Conforme a legislação do servidor público federal, os candidatos terão 30 dias, contados a partir da data da nomeação, para tomar posse e até 15 dias para entrar em exercício. Os nomeados deverão apresentar, no ato da posse, todos os documentos que constam na Portaria nº 13, publicada no D.O.U. em 30/07/2010.

Em casos de desistência da posse, será necessário preencher o Termo de Desistência, que deverá ser enviado ao Ibram junto com a cópia do documento de identidade.

Brasília/DF:

Cargo: Analista I – Área: Administração – Classe A – Padrão I

Nome Classificação Origem da vaga
JOÃO PIMENTA STAUB  38º Vacância por posse em cargo inacumulável

 

 Cargo: Analista I – Área: Análise de Sistemas – Classe A – Padrão I

Nome Classificação Origem da vaga
DOUGLAS RAFAEL MORAIS KOLLAR 15º Exoneração a pedido

 

Cargo: Analista I – Área: Economia – Classe A – Padrão I

Nome Classificação Origem da Vaga
BERNARDO ANTÔNIO PENA MAGALHÃES MARQUES              5º Exoneração a pedido 

 

Cargo: Analista I – Área: Engenharia Elétrica – Classe A – Padrão I

Nome Classificação Origem da vaga
GUILHERME ZANETTI ROSA Vacância por posse em cargo inacumulável

 

Cargo: Analista I – Área: Jornalismo – Classe A – Padrão I

Nome Classificação Origem da vaga
GEYZON BEZERRA DANTAS Vacância por posse em cargo inacumulável

 

 Museu das Missões/RS :

Cargo: Assistente Técnico I – Classe A – Padrão I

Nome Classificação Origem da vaga
SUZANA BERWALDT VENZKE  Vacância por posse em cargo inacumulável

 

Museu Victor Meirelles/SC:

Cargo: Assistente Técnico I – Classe A – Padrão I

Nome do Candidato Classificação Origem da vaga
 DIEGO FIGUEIREDO SILVA  4º  Vacância por posse em cargo inacumulável

 

Núcleo DPGI / Belo-Horizonte/MG:

Cargo: Analista I – Área: Administração – Classe A – Padrão I

Nome do Candidato Classificação Origem da Vaga
Marcia Cristina Rodrigues de Oliveira Criação de vaga na Lei 11.906/10

 

Museu Casa de Benjamin Constant/RJ:

Cargo: Técnico em Assuntos Educacionais – Classe A – Padrão I

Nome do Candidato Classificação Origem da vaga
Cintya Francisca dos Santos 10º Vacância por posse em cargo inacumulável