Editais: R$ 1,7 mi para projetos de Patrimônio, Arquitetura e Museus na Bahia

Interessados em desenvolver projetos voltados para a salvaguarda de bens culturais baianos têm até 15 junho para inscrever propostas nos editais setoriais de Patrimônio, Arquitetura e Urbanismo e de Museus – ambos sob a coordenação do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia – vinculado à Secretaria de Cultura do Estado.

Na setorial de Patrimônio, Arquitetura e Urbanismo, o foco está em amparar propostas culturais nas áreas de patrimônio cultural, sítios arqueológicos, arquitetura e urbanismo, que tenham como objetivo a preservação, salvaguarda, restauração, valorização, pesquisa, inventário, difusão, dinamização, formação e educação patrimonial.

Para este segmento será investido R$ 1 milhão, sendo que o teto de apoio por projeto não poderá ultrapassar R$ 150 mil. O edital está disponível aqui.

Já a de Museus contempla propostas culturais na área que tenham como objetivo a preservação, valorização, pesquisa, inventário, difusão, dinamização, qualificação da gestão e formação. Assim, inventários museológicos e outros registros que identifiquem bens culturais dos museus; estudos e pesquisas que fundamentem as ações em todas as áreas dos museus; ações educativas, de preservação, conservação e restauração; atividades de comunicação e elaboração de plano museológico são alguns exemplos.

Serão empregados R$ 700 mil e cada proposta terá apoio de até R$ 100 mil. O edital está disponível aqui. Leia mais.

Fonte: Secult Bahia

Em Alagoas, assinatura de acordo marca abertura do projeto Conexões Ibram

O recém-reformado Museu da Imagem e do Som (MISA), em Maceió (AL), recebe o projeto Conexões Ibram nos dias 24 e 25 de maio. A apresentação da orquestra sinfônica do Centro de Belas Artes de Alagoas abriu a programação na manhã do dia 24, seguida da assinatura de Acordo de Cooperação Técnica entre o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) e o Governo de Alagoas.

Eneida Braga falou sobre poíticas públicas para museus. Na platéia, Osvaldo Viégas (de terno)

Assinado pela presidente substituta do Ibram, Eneida Braga, e pelo secretário de Cultura de Alagoas, Osvaldo Viégas, o documento prevê a integração de recursos da área museal e o desenvolvimento de ações conjuntas no setor.

Em sua fala de abertura, o secretário convocou os prefeitos alagoanos a participar do processo e buscar oferecer mais e melhores museus para a população do Estado. “Ainda temos muitos desafios, mas o termo de cooperação possibilita melhores ações para a preservação da memória, para dar sustentabilidade ao setor”, acredita.

A programação do encontro prossegue até o fim da tarde do dia 25 com palestras sobre o Programa Nacional Setorial de Museus (PNSM), Sistema Alagoano de Cultura, Estatuto de Museus e seus novos instrumentos de gestão museal, gestão dos riscos ao patrimônio, programa Pontos de Memória e estratégias de fomento e financiamento aos museus.

Alagoas é o sexto estado visitado pelo projeto Conexões Ibram, que começou em março e já esteve na Bahia, Rio Grande do Norte, Ceará, Espírito Santo e Piauí. Saiba mais.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Paulo Rios/Governo de Alagoas

Acordo entre Ibram e governo do ES pretende desenvolver área museal

O quarto evento do projeto Conexões Ibram começou ontem (26), na capital do Espírito Santo (ES), Vitória, e segue até hoje (27). A assinatura de Acordo de Cooperação Técnica entre o Estado e o Governo Federal abriu o encontro no Palácio Anchieta.

Eneida Braga (em pé) e Paulo Viçosi assinaram Acordo de Cooperação Técnica

Eneida Braga, presidente substituta do Ibram/MinC, assinou o documento com José Paulo Viçosi, Secretário estadual de Cultura. O acordo tem como objetivo integrar recursos da área e estimular o desenvolvimento de ações conjuntas no setor museal no ES.

Eneida Braga ressaltou que esta ação é inédita do Governo Federal e busca parcerias para desenvolver políticas públicas especificas para o setor museal. Paulo Viçosi enfatizou que ainda há muito a ser feito, mas que a demanda dos cidadãos precisa ser atendida. “Apesar de ser um Estado pequeno, existe um grande potencial para dar ao povo capixaba seu direito à memória”, declarou.

Continue lendo no blogue do projeto Conexões Ibram.

Texto e foto: Ascom/Ibram

Conexões Ibram chega ao Espírito Santo nos dias 26 e 27 de abril

Conexões Ibram em Vitória acontece no Palácio Anchieta

No Espírito Santo (ES), o projeto Conexões Ibram acontece no Palácio Anchieta, no centro de Vitória, nos dias 26 e 27 de abril. Veja a programação aqui.

Em parceria com o Estado, o Ibram debaterá com o setor cultural e a sociedade capixabas temas relevantes para o setor de museus, como Estratégias de Fomento e Financiamento, Estatuto de Museus, Plano Nacional Setorial de Museus, dentre outros. Saiba mais sobre os temas.

Na abertura do evento (foto), a presidente substituta do Ibram/MinC, Eneida Braga, e o Secretário Estadual de Cultura, José Paulo Viçosi, assinam Acordo de Cooperação Técnica cujo objetivo é integrar recursos e desenvolver ações conjuntas para fortalecer, difundir, fomentar e incentivar o setor de museus no Espírito Santo.

Também estiveram presentes a presidente da Comissão de Cultura da Assembléia Legislativa, deputada Luzia Toledo, e os subsecretários de estado de Cultura, Erlon Paschoal, e de Patrimônio Cultural, Joelma Consuêlo Fonseca e Silva. Acompanhe a cobertura pelo blogue Conexões Ibram.

Texto e foto: Ascom/Ibram

Conexões Ibram no Ceará: assinatura de acordo marcou encontro

Projeto Conexões Ibram no Ceará segue até dia 25

Na abertura do projeto Conexões Ibram na segunda-feira (23), em Fortaleza (CE), o presidente do Instituto Brasileiro de Museus, José do Nascimento Junior (foto), lembrou que o Ceará sempre foi participativo nos Fóruns de Museus e que a assinatura do Acordo de Cooperação Técnica com a Secretaria de Estado de Cultura, realizado no mesmo dia, é um “passo importante” para fortalecer o setor.

O Ceará é o estado da região Nordeste com a segunda maior concentração de museus mapeados pelo Cadastro Nacional de Museus (CNM). Mas de acordo com levantamento realizado pelo Ibram/MinC para a publicação Museus em Números, a partir de dados do cadastro, o Ceará possui 184 municípios e apenas 55 deles contam com museus.

O Conexões Ibram levou para Fortaleza dois dias de apresentações e debates sobre políticas para o setor de museus brasileiros, como os programas iMuseus e Pontos de Memória, o Plano Nacional Setorial de Museus, as estratégias de Gestão de Risco ao Patrimônio Museológico e de Fomento e Financiamento, além  do Legado Cultural para a Copa de 2014.

O tema Pontos de Memória, bem como as possibilidades de fomento para museus comunitários, despertou grande interesse na platéia. “O Ceará tem vocação para a museologia social”, comentou a gerente do Sistema Estadual de Museus do Ceará, Cristina Holanda.

“Eventos como esse são importantes, pois, à medida que o governo federal visita os estados, fica mais fácil gerenciar os instrumentos e as políticas que estão na ponta”, destacou a secretária adjunta de Cultura do Ceará, Maninha Marins.

Na quarta-feira (25), serão realizadas as primeiras reuniões dos Grupos de Trabalho (GTs) que darão continuidade às ações pactuadas durante o Conexões Ibram. Saiba mais sobre o projeto.

Texto: Soraia Costa (Ascom/Ibram)
Foto: Rogerio Rodrigues (Secult/CE)