Página 20 de 38« Primeira...10...1819202122...30...Última »

Icom oferece bolsas para participação na 23ª Conferência Geral no RJ

A partir de hoje (1º de julho) estão abertas as inscrições para concorrer a bolsas para a 23ª Conferência Geral do Conselho Internacional de Museus (Icom), que terá lugar no Rio de Janeiro (RJ), entre os dias 10 e 17 de agosto.

Podem concorrer pessoas jurídicas de direito público e de direito privado, sem fins lucrativos, de natureza cultural, com foco de atuação em museus, ações de memória social e processos museais, com atuação comprovada de no mínimo dois anos, membros ou não membros do conselho.

No total, serão concedidas 60 bolsas, resultado de uma parceria entre as três instâncias de governo envolvidas na realização da conferência e as empresas patrocinadores do evento por meio das leis federal, estadual e municipal de incentivo. As inscrições serão aceitas até às 18h do dia 17 de julho. Saiba como se inscrever.

Icom Rio2013
A conferência será realizada na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca, e terá como tema Museus (memória + criatividade) = mudança social. Durante oito dias, especialistas e profissionais de museus de todo o mundo se reunirão para debater questões contemporâneas relacionadas ao setor.

A programação inclui fóruns, palestras, atividades culturais e feira de museus. Também serão realizadas reuniões dos comitês internacionais do Icom e sessões administrativas nas quais a Assembleia Geral e o Comitê Consultivo definirão orientações da organização. Conheça mais.

Texto: Ascom/Ibram

Museu Imperial tem programação durante Festival de Inverno de Petrópolis

O Museu Imperial/Ibram será palco de concertos e atividades durante o 13º Festival de Inverno de Petrópolis, que acontece de 6 a 20 de julho.

Na programação, encontram-se os tradicionais Concertos à luz de velas, que ocorrerão nos dias 6, 12, 13, 19 e 20 de julho, às 18h. Os ingressos, que já estão à venda na bilheteria do museu, custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Além de idosos e estudantes, também pagam meia-entrada aqueles que realizarem a doação de 1kg de alimento não perecível.

Duo Fukuda-Astrachan (violino e piano) apresenta-se no dia 6 de julho, às 18h

Também acontecerão os Concertos ao meio-dia, em 9, 10, 11 e 12 de julho, às 12h. Uma hora antes de cada concerto, os interessados poderão retirar senhas gratuitamente para assistir ao espetáculo, mediante doação de 1kg de alimento não perecível.

Além dos concertos, o Museu Imperial receberá ainda três palestras, todas com entrada franca mediante doação de 1kg de alimento e também com retirada de senhas uma hora antes. Os palestrantes serão Mário Wilmensdorf e Estevão Hermann.

Uma novidade deste ano serão as exibições de filmes, que ocorrerão nos dias 11 e 12 de julho, às 15h. A primeira terá o filme O Garoto e a segunda, Luzes da Cidade – ambos dirigidos por Charles Chaplin. A entrada também será franca mediante doação de 1kg de alimento e retirada de senhas uma hora antes.

Confira a programação completa das atividades que acontecerão no Museu Imperial Saiba mais sobre o museu.

Texto e foto: Divulgação Museu Imperial

A arte da tapeçaria portuguesa no Museu Histórico Nacional (RJ)

A exposição A arte da tapeçaria – tradição e modernidade, aberta no dia 13 de junho no Museu Histórico Nacional (MHN/Ibram), no Rio de Janeiro (RJ), apresenta ao público o trabalho realizado há mais de 65 anos pela Manufactura de Tapeçarias da cidade portuguesa de Portalegre.

Integram a exposição 28 tapeçarias de consagrados artistas contemporâneos, entre os quais Le Corbusier, Jorge Martins, Vieira da Silva e Vik Muniz.

A exposição, em cartaz até 18 de agosto, faz parte das comemorações do Ano de Portugal no Brasil. Promovida pelo Espírito Santo Cultura, a mostra esteve anteriormente no Centro Cultural Fiesp Ruth Cardoso, em São Paulo (SP).

A exposição mostra em vídeo e por meio de peças originais todas as etapas do processo criativo e tecnológico que envolve intensa colaboração: os cartões criados pelos artistas com as obras de arte para tapeçaria, a transposição pelos designers para os desenhos de tecelagem e, finalmente, a execução das obras em teares manuais pelas tecedeiras, que mantêm total fidelidade às concepções originais. Saiba mais.

Texto e imagem: Divulgação MHN

Museu da República prepara exposição com conteúdos produzidos por visitantes

O Museu da República/Ibram, no Rio de Janeiro (RJ), inaugura no dia 7 de agosto uma exposição que foge ao convencional: compreendendo o público como seu grande patrimônio, O Museu e Eu terá como atração principal os visitantes que frequentam o antigo Palácio do Catete, seus espaços anexos e jardins.

O museu e eu: exposição contará com conteúdos produzidos pelo público

A exposição, que vai ocupar as salas de exposições de curta duração, vai abordar como as experiências vivenciadas pelos visitantes no território do Museu da República produzem memórias.

Serão exibidas experiências e memórias do público representadas por meio de imagens, sons, formas, textos e palavras (escritas e orais).

Com este objetivo, o museu está colhendo fotografias tiradas em seus espaços e depoimentos de visitantes, que serão incorporados à exposição. O público pode entregar suas contribuições até o dia 15 de julho na portaria do museu, ou postá-las  na página da exposição no Facebook: www.facebook.com/omuseueeu.

Dividida em três núcleos (Eu quero você, Você em ação no museu e Eu e o museu/O museu e eu), a exposição ficará em cartaz até 27 de outubro e vai manter um diálogo com a tecnologia interativa e as redes sociais, com atualização constante de seu conteúdo. Saiba mais sobre o Museu da República.

Texto: Ascom/Ibram

Exposição no Museu Histórico Nacional apresenta a arte da tapeçaria portuguesa

A exposição A arte da tapeçaria – tradição e modernidade,  que abre amanhã (13) no Museu Histórico Nacional (MHN/Ibram), no Rio de Janeiro (RJ), apresenta ao público o trabalho realizado há mais de 65 anos pela Manufactura de Tapeçarias da cidade portuguesa de Portalegre.

Peça do artista Vik Muniz desenvolvida pela tapeçaria de Portalegre

Integram a exposição 28 tapeçarias de consagrados artistas contemporâneos, entre os quais Le Corbusier, Jorge Martins, Vieira da Silva e Vik Muniz.

A exposição, em cartaz até 18 de agosto, faz parte das comemorações do Ano de Portugal no Brasil. Promovida pelo Espírito Santo Cultura, a mostra  esteve anteriormente no Centro Cultural Fiesp Ruth Cardoso, em São Paulo (SP).

A exposição mostra em vídeo e por meio de peças originais todas as etapas do processo criativo e tecnológico que envolve intensa colaboração: os cartões criados pelos artistas com as obras de arte para tapeçaria, a transposição pelos designers para os desenhos de tecelagem e, finalmente, a execução das obras em teares manuais pelas tecedeiras, que mantêm total fidelidade às concepções originais. Saiba mais.

Texto e imagem: Divulgação MHN

Museus Ibram articulam rede de cultura local no bairro de Santa Teresa (RJ)

Os museus Casa de Benjamin Constant e Chácara do Céu, ambos situados no bairro de Santa Teresa (RJ) e integrantes da estrutura do Ibram/MinC, estão articulando, junto a  instituições e produtores culturais do bairro, a criação de uma rede de cultura local.

Museu Casa de Benjamin Constant sediou primeira reunião para articular rede de cultura

A primeira reunião foi realizada durante a 11ª Semana de Museus nos jardins do Museu Casa de Benjamin Constant. O evento serviu para os museus darem corpo à missão de estimular as ações culturais em seu território, além de mapearem a atual situação da cultura em seu entorno.

A segunda reunião está marcada para o dia 6 de junho, às 10h, no Centro Cultural Laurinda Santos Lobo (Rua Monte Alegre, 306, Santa Teresa).

O objetivo deste segundo encontro é dar início ao planejamento das ações e parcerias discutidas na primeira reunião, além de abrir espaço para que outras instituições culturais do bairro possam participar. Outras informações pelo endereço eletrônico museubenjaminconstant@gmail.com.

Texto: Ascom/Ibram

Intervenção artística no Museu de Arte Religiosa e Tradicional (RJ)

Desde o dia 24 de maio, quem passar pelo Largo de Santo Antônio em Cabo Frio (RJ), endereço do antigo Convento de Nossa Senhora dos Anjos, hoje sede do Museu de Arte Religiosa e Tradicional (Mart/Ibram), verá “formigas gigantes” subindo pelas paredes do monumento. São peças desenvolvidas pelo artista plástico Paulo Luis de Oliveira para a intervenção artística Formigas.

As peças ficam expostas até o dia 24 de junho e podem ser vistas a qualquer hora, tendo em vista estarem na faixada do prédio. A exposição é o resultado de parcerias que envolvem, além do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) e Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), a Secretaria de Cultura da Prefeitura Municipal de Cabo Frio, o Instituto Cultural Carlos Scliar e comerciantes da cidade.

As 70 formigas afixadas foram confeccionadas pelo artista e sua equipe com matérias-primas típicas da região: coco e palmeira areca bambu. Artista plástico há 30 anos, Paulo Luís começou a desenvolver a ideia há um ano e escolheu o tema pelas características de organização e trabalho das formigas.

Mas como se trata de uma intervenção, o objetivo final é provocar a curiosidade do público e a análise do tema sob os diversos enfoques, principalmente, relacionando-o à preservação do meio ambiente, cuja data mundial é comemorada no dia 5 de junho.

Por se tratar de um monumento reconhecido como patrimônio nacional, o trabalho de afixação das formigas nas paredes seguiu regras indicadas pelo Iphan e executadas pelo restaurador Alexandre Shichticas – reconhecido por trabalhados realizados em cidades históricas do Brasil e Europa.

Homenagem
As indagações geradas por Formigas entre o público podem ser variadas, mas para o curador José Antônio J. Mendes, a data de abertura da exposição foi escolhida em homenagem à Dolores Brandão Tavares, que foi funcionara do Mart por quase 30 anos e falecida em 25 de maio do ano passado. Outras informações pelo telefone (22) 2646.7340. Saiba mais sobre o museu.

Texto e foto: Divulgação Mart/Ibram.

Máscaras e bonecos de carnaval em exposição no Forte Defensor Perpétuo

O Forte Defensor Perpétuo de Paraty (Ibram/MinC), no Rio de Janeiro (RJ), expõe em seu salão central o acervo de máscaras e bonecos produzidos por Natalino de Jesus Silva. A abertura da exposição, durante a 11ª Semana de Museus, contou com a presença do mestre em oficinas de máscaras com estudantes da Escola Municipal Maria Jácome de Melo, localizada na zona rural de Paraty.

As máscaras do mestre Natalino podem ser vistas até agosto em Paraty

Servidor aposentado do antigo Departamento de Correios e Telégrafos, Natalino de Jesus Silva nasceu em Paraty em 25 de dezembro de 1934.

A técnica de Natalino é similar à de outros artistas locais como Jubileu, Mestre Biba e Lúcio Cruz.

O trabalho de Natalino começou como um hobby antigo de criança, fazendo as próprias máscaras de carnaval. Desde 1974, começou a experimentar a pintura em suas criações, com cores e formas intuitivas que com o tempo se mostraram a expressão de um artista.

A exposição tem recebido visitas guiadas para as escolas do município e fica no Forte Defensor Perpétuo até agosto de 2013. Saiba mais sobre o museu.

Texto e foto: Divulgação Forte Defensor Perpétuo

Museu da República lança jogo educativo voltado ao público infantil no RJ

O Museu da República (Ibram/MinC), localizado no Rio de Janeiro (RJ), lançou uma nova atividade educativa: o jogo O jardim é o tabuleiro. A atividade foi inicialmente desenvolvida para a 11ª Semana de Museus, mas, diante da boa repercussão, o museu passará a apresentar o jogo nas visitas monitoradas – realizadas pelas escolas e previamente agendadas no Setor Educativo.

O jogo, inspirado no jardim do museu, é voltado ao público infantil

Voltado para o público infantil, o jogo foi inspirado no jardim que integra o conjunto arquitetônico e paisagístico da instituição. Tem como objetivo chamar atenção para a questão socioambiental, tema que tem sido trabalhado no museu.

O jogo
A partir de uma adaptação do jogo de ludo, O jardim é o tabuleiro foi produzido seguindo uma sequência estratégica que recria para os jogadores o passeio no próprio jardim do Museu da República.

Ele parte de um mapa estilizado do jardim, apresentando seus principais atrativos: árvores, animais, coreto, gruta, chafariz e esculturas que mostram crianças com animais que representam os cinco continentes.

O jogo é composto de tabuleiro, cartas com orientações de movimentação, dado e peças em formato de animais. Individualmente, os jogadores lançam o dado e movem suas peças de acordo com o número de pontos obtidos. Parando em determinadas casas, o jogador lê a carta de orientação e avança ou recua na trilha reproduzida no tabuleiro. Ganha quem chegar ao final da trilha antes dos outros participantes.

Mais informações e agendamento de visitas ao Museu da República podem ser feitas pelo endereço eletrônico mr.educa@museus.gov.br ou pelos telefones (21) 3235.5003/5236.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Divulgação Museu da República

Secretária-executiva do MinC participa de evento com presidente do Icom

A secretária-executiva do Ministério da Cultura (MinC), Jeanine Pires, participa hoje (14), representando a ministra Marta Suplicy, de recepção no Palácio da Guanabara, no Rio de Janeiro (RJ), promovida pelo governador do Estado, Sérgio Cabral, e pelo prefeito do Rio, Eduardo Paes, para o presidente do Conselho Internacional de Museus (Icom), Hans-Martin Hinz.

Icom define temas anuais para celebrar o Dia Internacional de Museus

O representante está em visita ao Brasil para a preparação da 23ª Conferência Geral do Conselho Internacional de Museus, que será realizada na capital fluminense no próximo mês de agosto. Saiba mais.

“É uma grande satisfação para o MinC receber o presidente do Icom durante a 11ª Semana de Museus, que reúne atividades de mais de 1.200 museus em todo o Brasil. A realização da conferência internacional no Brasil será de grande relevância para o intercâmbio entre instituições brasileiras e de outros países”, avalia Jeanine Pires.

Assim como em anos anteriores, o tema da Semana de Museus 2013 – Museus (memória + criatividade) = mudança social – foi proposto pelo Icom. Promovido pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), o evento acontece anualmente em comemoração ao Dia Internacional de Museus (18 de maio) e neste ano tem a participação de 1.252 instituições de 535 municípios do Brasil e do Distrito Federal. A programação conta com 3.911 ações em todo o País e pode ser conferida no guia de programação online.

O Icom
Com a participação de aproximadamente 30 mil membros de 137 países, o Icom é a única organização mundial de museus e profissionais que atuam em museus e mantém relações formais com a Unesco e com status consultivo no Conselho Econômico e Social da ONU, além de parcerias com outras entidades a fim de realizar suas missões internacionais de serviço público, incluindo a luta contra o tráfico de bens culturais, promoção do gerenciamento de risco e preparo para emergências com o objetivo de proteger o patrimônio cultural.

Texto: Ascom/MinC
Edição: Ascom/Ibram
Foto: Divulgação Icom

 

Página 20 de 38« Primeira...10...1819202122...30...Última »