Museu Histórico Nacional e Museu de Valores recebem Ordem do Mérito Cultural

Dilma Rousseff, José Sarney, Marta Suplicy e Aloizio Mercadante entregram a OMC 2012

A presidenta Dilma Rousseff e a ministra da Cultura, Marta Suplicy, entregaram nesta segunda-feira, 5 de novembro, as insígnias da 18ª edição da Ordem do Mérito Cultural (OMC) às 41 personalidades homenageadas com a comenda. A cerimônia foi realizada no Palácio do Planalto, em Brasília.

O ex-presidente, político e escritor José Sarney e o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, também entregaram as insígnias.

Dentre os agraciados na edição 2012 estiveram duas instituições museais: o Museu Histórico Nacional/Ibram, que completa 90 anos, e o Museu de Valores do Banco Central, que comemora 40 anos. Veja a lista completa dos contemplados.

A Ordem do Mérito Cultural homenageou em 2012 o cantador, sanfoneiro e brasileiro Luiz Gonzaga, o Rei do Baião. Trata-se da maior condecoração que, desde 1995, é outorgada pelo governo federal como forma de reconhecer as relevantes contribuições de personalidade e instituições à Cultura brasileira. Saiba mais sobre a OMC.

Exposição no Planalto
A partir do dia 6 de novembro o Ministério da Cultura, via Fundação Nacional de Artes (Funarte), inaugura no Palácio do Planalto a exposição O Imaginário do rei – visões sobre o universo de Luiz Gonzaga, em homenagem aos 100 anos de nascimento do artista.

A mostra é uma homenagem coletiva de artistas de todas as regiões do país dentro das comemorações do ‘Ano Luiz Gonzaga’ com uma rica e diversificada iconografia sobre a vida e obra de Gonzagão. A curadoria é do artista plástico, compositor e poeta paraense Bené Fonteles.

A exposição, que segue em cartaz até 5 de dezembro, tem entrada franca e pode ser vista de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h; e aos domingos, das 9h30 às 14h30, no térreo do Palácio do Planalto, em Brasília.

Fonte: Portal Ministério da Cultura
Edição: Ascom/Ibram

 

MinC entrega Ordem do Mérito Cultural 2011 em cerimônia no Recife

Nesta quarta-feira, 9 de novembro, Recife receberá a solenidade de entrega das insígnias da Ordem do Mérito Cultural 2011. A cerimônia da mais alta condecoração da Cultura brasileira será realizada, este ano, pela primeira vez na região Nordeste.

O palco escolhido para a festa foi o Teatro de Santa Isabel. As comendas são entregues pela Presidência da República e pelo Ministério da Cultura a personalidades, grupos de pessoas, iniciativas e a instituições que tenham prestado relevantes contribuições para a Cultura do país.

O tema da Ordem do Mérito Cultural de 2011 é a jornalista e escritora Patrícia Rehder Galvão (1910-1962), mais conhecida pelo apelido de Pagu. Inquieta e de comportamento destemido, Patrícia era feminista e militante do Partido Comunista Brasileiro. Ficou conhecida como uma mulher que viveu à frente de sua época, que sempre buscou quebrar preconceitos.

A escolha de Pagu como tema da edição 2011 da OMC, segundo a ministra da Cultura, Ana de Hollanda, teve o intuito de conferir uma homenagem “ a uma mulher extraordinária, raro exemplo de militância cultural, política e existencial, sempre com uma perspectiva inovadora e transformadora”.

A  ministra comentou também a decisão de realizar pela primeira vez a entrega das medalhas do Mérito Cultural em um estado da região Nordeste:  “a escolha de Pernambuco reforça a nossa visão da riqueza e da multiplicidade culturais do Brasil. O estado vive hoje um momento novo e especial de sua história, expressando-se com vigor nos mais diversos campos do fazer e do criar”, afirmou. Leia mais.

Fonte: Portal Ministério da Cultura