Página 21 de 55« Primeira...10...1920212223...304050...Última »

Aula inaugural de MBA no RJ trata sobre museus no século XXI

O presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), Angelo Oswaldo, ministra, no dia 27 de agosto, às 17h, aula inaugural na Pós-graduação lato sensu MBA em Gestão de Museus. A palestra com o tema Os museus no século XXI tem entrada franca e acontece no Museu de Arte do Rio (MAR), localizado à Praça Mauá, no centro do Rio de Janeiro (RJ).

Resultado da parceria entre a Associação Brasileira de Gestão Cultural (ABGC) e o MAR, o curso é direcionado para gestores públicos e privados, profissionais que atuam em museus, centros de cultura e patrimônio, além de áreas multidisciplinares, e visa capacitá-los para planejar, gerenciar, comunicar e garantir a sustentabilidade dos museus. Saiba mais.

Também estão abertas as inscrições para a Pós-graduação lato sensu em Educação Museal. Fruto da cooperação técnica estabelecida entre os Museus Castro Maya (Chácara do Céu) e Museu da República com a Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), via Instituto Superior de Educação do Rio de Janeiro (ISERJ), o curso visa especializar e qualificar graduados em qualquer área de conhecimento para desempenhar atribuições profissionais específicas do educador museal. As inscrições podem ser feitas até o dia 11 de setembro. Saiba mais.

Texto: Ascom/Ibram

Portarias reconhecem associações de amigos de museus Ibram

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) fez publicar hoje (25), no Diário Oficial da União (DOU), cinco portarias que reconhecem como legítimas e prontas para produzir os efeitos decorrentes das ações previstas em estatutos sociais as associações de amigos dos museus Castro Maya (Chácara do Céu e Museu do Açude, RJ), Museu da Inconfidência (MG), Museu Lasar Segall (SP), Museu Victor Meirelles (SC) e Museu Histórico Nacional (RJ) – todos integrantes da rede de museus Ibram.

O reconhecimento das entidades, realizada pela Diretoria Colegiada do instituto em 15 de julho, dá sequência ao ordenamento jurídico relacionado ao decreto que regulamentou o Estatuto de Museus, publicado em outubro de 2013, no qual há destaque para as associações de amigos, que devem “apoiar e colaborar com as atividades dos museus, contribuindo para seu desenvolvimento e para a preservação do patrimônio museológico”.

Requisitos
No âmbito do Poder Executivo Federal, a atuação das associações, especialmente em relação à captação de recursos, fica condicionada ao prévio reconhecimento da entidade por ato administrativo do museu ou instituição a que ele esteja vinculado, cabendo ao Ibram estabelecer requisitos para o reconhecimento das associações de amigos de seus museus.

Em 28 de outubro de 2011, foi publicada a Instrução Normativa (IN) nº1, dispondo sobre critérios que definam as relações entre os museus que integram o Ibram e suas respectivas associações de amigos.

A partir da IN, as entidades ficam condicionadas ao prévio reconhecimento por parte do instituto, que passa a adotar requisitos mínimos para sua aprovação, como ser entidade da sociedade civil sem fins lucrativos e ter como finalidade exclusiva “o apoio, a manutenção e o incentivo às atividades dos museus a que se refiram”.

As associações deverão então encaminhar ao Ibram um Plano Anual de Atividades, contendo planos, projetos e ações a serem realizados no decorrer do ano – levando em conta os Planos Museológicos dos museus aos quais estão ligadas.

Texto: Ascom/Ibram

Matéria relacionada
Ibram/MinC publica normativa sobre associações de amigos de museus

8ª Primavera dos Museus: inscrições prorrogadas até 29 de agosto

Foram prorrogadas até a próxima sexta-feira (29), as inscrições para a 8ª Primavera dos Museus, que acontecerá entre os dias 22 e 28 de setembro com o tema Museus Criativos. Museus e outras instituições culturais interessados em participar terão mais uma semana para assegurar a inscrição de eventos para a temporada nacional, que pode ser feita via formulário de inscrição online.

A exemplo das outras edições, a realização das atividades ficará sob a responsabilidade da própria instituição que as inscrever. A partir de 4 de setembro, o Ibram divulgará o guia online da programação nacional em sua página na internet.

Seminários, exposições, oficinas, espetáculos, mesas-redondas, visitas guiadas e exibições de filmes são exemplos de ações que poderão ser inscritas. Outras informações e esclarecimentos sobre a Primavera dos Museus 2014 podem ser obtidos pelos telefones (61) 3521 4135/4122/4214 ou pelo endereço eletrônico primavera@museus.gov.br.

Texto: Ascom/Ibram

6º Fórum Nacional de Museus vai acontecer em novembro no Pará

Com a publicação ontem (18) de portaria que cria a Comissão Organizadora do 6º Fórum Nacional de Museus (FNM), o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) dá início às atividades do evento, realizado a cada dois anos, que congrega o setor museal brasileiro. Em 2014, ele irá acontecer na cidade de Belém (PA), entre os dias 24 e 28 de novembro.

Interior do Museu do Estado do Pará, localizado em Belém

Interior do Museu do Estado do Pará, localizado em Belém

O Fórum Nacional de Museus é um espaço para o intercâmbio de experiências e conhecimentos entre a comunidade museológica, sociedade civil, museus e órgãos de gestão museológica federais, estaduais e municipais.

Em sua sexta edição, a programação do encontro incluirá conferências, painéis, minicursos, apresentações de Comunicações Coordenadas, grupos de trabalho temáticos, reuniões de redes e de sistemas de museus, além de programação paralela que visa valorizar a cultura local.

Outras atividades
O FNM 2014 ainda deve realizar a Teia da Memória, encontro nacional dos Pontos de Memória e iniciativas de memória e museologia social do Brasil, a revisão do Plano Nacional Setorial de Museus (PNSM) e o encontro do Programa Nacional de Educação Museal (PNEM).

O PNSM prevê a sua revisão a cada quatro anos (2010-2014) de modo a permitir o constante aprimoramento deste instrumento de planejamento e gestão das políticas públicas voltadas para o setor museal.

Já a realização do encontro do Programa Nacional de Educação Museal tem como objetivo a votação e aprovação do texto final do programa com a ampla participação do setor.

Ainda esta semana será lançado o edital de chamada pública para apresentação de trabalhos durante o fórum. Acompanhe durante esta semana na página do Ibram as primeiras notícias sobre o 6º Fórum Nacional de Museus.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Divulgação/Internet

Mesmo em obras, visitante pode conhecer a Casa da Hera em Vassouras

O Museu Casa da Hera, em Vassouras (RJ), está fechado para obras desde o dia 21 de julho, mas a partir de agora o visitante poderá conhecê-lo mesmo sem entrar no museu: foram instalados painéis em frente à fachada da casa com fotografias de cada cômodo e dos objetos de seu acervo permanente.

No jardim, painéis contam a história da casa - fechada para obras desde julho

No jardim, painéis contam a história da casa – fechada para obras desde julho

“Pensamos em como poderíamos transformar o fato da casa estar fechada ao público em uma opção diferente de visita, com acesso ao acervo existente”, explica o diretor interino, Cirom Duarte. “A proposta é que os funcionários realizem agora visitas mediadas por meio dos painéis, com fotos de todos os cômodos, objetos e indumentárias, contando com textos elucidativos”.

Uma maquete também foi feita para que os visitantes tenham uma ideia melhor da disposição dos cômodos da Casa da Hera, que hoje passa por obras em vários pontos em simultâneo – como a copa, o quarto menor, o salão amarelo e o salão vermelho. A reforma busca a recuperação elétrica, hidráulica e estrutural do casarão.

Ainda que o museu esteja temporariamente fechado, o acesso aos jardins da chácara está normal e lá têm sido desenvolvidas todas as atividades e projetos de cunho educativo do museu. Hoje, cerca de 80 pessoas visitam a Casa da Hera por dia. Saiba mais.

Texto e foto: Divulgação Casa da Hera
Edição: Ascom/Ibram

CNIC aprova cerca de R$ 8,5 milhões para projetos de museus

Realizada nos dias 5 e 6 de agosto, em Brasília (DF),  a 223ª reunião da Comissão Nacional de Incentivo à Cultura (CNIC) aprovou a captação de cerca de R$ 8,5 milhões para o financiamento de projetos na área de museus.

Foram avaliados nesta ocasião onze projetos. Destes, sete foram encaminhados e analisados pelo Ibram, para os quais foi aprovada a captação de R$ 6.087.127,61; e os demais por outras autarquias vinculadas ao Ministério da Cultura (MinC), para os quais foram liberados R$ 2.468.865,21. A soma totaliza R$ 8.555.992,82. Veja a lista completa.

Os projetos aprovados, que agora poderão captar recursos via mecanismo de renúncia fiscal (Lei Rouanet), contemplam ações como construção de museu, preservação e divulgação de acervos, restauração de obras e a realização de exposições e outras atividades.

Inscrições abertas
Formada por representantes da sociedade civil e do Estado, a CNIC é o órgão colegiado que tem a missão de subsidiar as decisões do MinC na aprovação dos projetos culturais, com vistas a captação de recursos via renúncia fiscal.

Até 12 de setembro, o ministério está com inscrições abertas para o edital que trata da habilitação de entidades culturais e do empresariado de todo o país, para indicação de membros para compor a Comissão Nacional de Incentivo à Cultura no biênio 2015/2016. Saiba mais.

Texto: Ascom/Ibram

Resolução regulamenta Inventário Nacional de Bens Culturais Musealizados

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) fez publicar na sexta-feira (1º), no Diário Oficial da União (DOU), Resolução Normativa nº 1, de 31 de julho de 2014, que  regulamenta os artigos 11 e 12 do Decreto nº 8.124/13, que institui o Inventário Nacional dos Bens Culturais Musealizados (INBCM).

Inventário trará informações sobre bens culturais musealizados em todo o Brasil

O INBCM é um instrumento de inserção periódica de dados sobre os bens culturais musealizados que integram os acervos museológico, bibliográfico e arquivístico dos museus brasileiros, para fins de identificação, acautelamento e preservação, previstos na Política Nacional de Museus (PNM).

O Ibram coordenará e manterá atualizado o INBCM, sendo os museus responsáveis pelo conteúdo e envio dos dados sobre os seus bens culturais musealizados. As informações ao INBCM deverão ser anualmente enviadas ao Departamento de Processos Museais (DPMUS) do instituto.

Etapas
A implementação do Inventário Nacional dos Bens Culturais Musealizados será feita em três etapas: definição dos elementos de descrição, que irão compor as informações sobre os bens culturais musealizados que deverão ser declarados no INBCM; publicação das recomendações técnicas para o preenchimento dos elementos de descrição sobre os bens culturais musealizados; e publicação das recomendações para envio e consulta das informações do INBCM ao Ibram.

A segunda resolução, a ser publicada em breve, definirá os elementos de descrição para o repasse de informações sobre os bens culturais musealizados ao Ibram. Entenda o decreto que regulamentou o Estatuto de Museus.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Divulgação/Museu Histórico Nacional

Formação: Programa Conexão Cultural Brasil contempla museus e memória

Publicados ontem (31), no Diário Oficial da União (DOU), dois editais públicos do programa Conexão Cultura Brasil do Ministério da Cultura (MinC), voltados para internacionalização cultural do país. A meta é ampliar a presença de artistas e empreendedores brasileiros no mundo em atividades de formação (cursos e estágios), em instituições culturais e eventos de cultura e negócios.

ScienceMuseum_Londres

Science Museum, em Londres, está na lista de instituições que integram o programa

Um dos editais, o Conexão Cultura Brasil Intercâmbios, abre a oportunidade para cerca 400 pessoas fazerem cursos no Brasil e no exterior no período entre novembro de 2014 e março de 2015.

Dentre as diversas áreas contempladas com o novo programa estão artes visuais, restauração, cultural popular e patrimônio, museus e memória.

Como funciona
Para participar, o interessado deve entrar em contato com a instituição de ensino e ser pré-aprovado por ela. As instituições que já manifestaram interesse em receber os brasileiros são o Instituto Europeu de Design, a Federculture da Itália, a Universidade de Bolonha, o British Council, a Royal Shakespeare Company, o Barbican Centre, o SouthBank Centre, o The Globe Theatre, a BBC Scottish Symphony, o Science Museum e o Festival de Edimburgo.

O próximo passo é encaminhar ao MinC o documento da instituição estrangeira (carta-convite). Uma comissão com integrantes do ministério e de entidades vinculadas irá selecionar os ganhadores do incentivo. As inscrições para os dois editais serão feitas via sistema Salic Web.

O ministério irá financiar as passagens, as diárias dos brasileiros e os deslocamentos. A contrapartida dos selecionados é, ao voltar para o Brasil, multiplicar o conhecimento adquirido, ou seja, apresentar o que foi desenvolvido no exterior.

As dúvidas dos interessados poderão ser esclarecidas pelo email culturabrasilintercambios@cultura.gov.br e culturabrasilnegocios@cultura.gov.br. Continue lendo e conheça o edital Conexão Cultural Negócios.

Texto: Divulgação MinC
Edição: Ascom/Ibram
Foto: Divulgação/Science Museum

Candidatos a diretor dos museus Ibram em Goiás são convocados para entrevista

O Instituto Brasileiro de Museus tornou público na sexta-feira (25), com publicação no Diário Oficial da União (DOU), a convocação para entrevista dos candidatos participantes da Chamada Pública nº 4, de 12 de março de 2014, destinada à seleção de diretor do Museu das Bandeiras, Casa da Princesa e Arte Sacra da Boa Morte, no estado de Goiás.

Museu Casa da Princesa (GO)

Museu Casa da Princesa (GO)

As entrevistas se destinam aos candidatos que apresentaram e tiveram aprovados os documentos exigidos na Chamada Pública, que foram examinados pela Comissão de Seleção – nomeada por meio da Portaria n° 128, de 23 de abril de 2014.

Os candidatos convocados devem comparecer no dia 5 de agosto de 2014, a partir das 10h, na sede do Instituto Brasileiro de Museus, em Brasília (Setor Bancário Norte, Quadra 2 Bloco N – Edifício CNC III), munidos de documentação pessoal original.

O resultado da seleção será comunicado por meio eletrônico aos selecionados, sem prejuízo do início da contagem dos prazos, a partir da publicação no DOU. Saiba mais.

Texto e foto: Ascom/Ibram

Museu Lasar Segall discute relação entre bebês e museus em SP

Reconhecido este ano pelo Conselho Internacional de Museus (Icom) como um dos cinco melhores do mundo na área de educação museal, o projeto Bebês no Museu, desenvolvido pelo Museu Lasar Segall, será um dos focos do I Seminário Bebês no Museu: experiências, que acontece em São Paulo (SP) de 6 a 8 de agosto.

Bebês no museu Lasar Segall: atividade reconhecida pelo Icom

Bebês no museu Lasar Segall: atividade reconhecida pelo Icom

O evento, promovido pela Área de Ação Educativa do museu em parceria com o Núcleo Educativo da Casa das Rosas, pretende reunir e debater as práticas de museus e instituições culturais direcionadas a bebês e seus familiares, servindo de difusor dessas ações.

Além da experiência do projeto Bebês no Museu, que recebeu em março o prêmio Best Practice (Melhores Práticas) 2014, concedido pelo Comitê para Educação e Ação Cultural (Ceca) do Icom para ações consideradas de referência para museus de todo mundo, serão abordadas experiências desenvolvidas por instituições como o Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM-SP) e o Museu Internacional de Arte Naïf do Rio de Janeiro.

As manhãs serão dedicadas ao debate com profissionais da área, e as tardes serão preenchidas com ações culturais para bebês e seus familiares. Faz parte da programação a produção de fanzines, experimentações na exposição e ateliê e dança. Participam do Seminário também a Matrice (Ação de Apoio a Amamentação) e o projeto Dança Materna. Saiba mais.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Divulgação Museu Lasar Segall

Matéria relacionada
Museu Lasar Segall ganha prêmio do Conselho Internacional de Museus

Página 21 de 55« Primeira...10...1920212223...304050...Última »