Página 19 de 55« Primeira...10...1718192021...304050...Última »

Ibram promove palestra sobre Associações de Amigos de Museus

No dia 30 (quinta-feira), o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) promove, na sua sede em Brasília (DF),  a palestra O papel das Associações de Amigos de Museus, com a diretora-executiva da Federação de Amigos de Museus do Brasil (Feambra), Camila Leoni Nascimento.

A palestra, aberta ao público, tem como foco as atribuições das associações de amigos de museus e sua importância no desenvolvimento das instituições.

O guia está disponível gratuitamente para download

O guia está disponível gratuitamente para download

Leoni apresentará ainda o Guia para Criação e Gestão de Associações de Amigos de Museus, desenvolvido pela Feambra, cujo objetivo é mostrar como o trabalho voluntário pode trazer benefícios tanto para os museus quanto para a própria sociedade.

Primeira publicação do gênero no país, o guia segue as diretrizes da Federação Mundial de Amigos de Museus e está disponível para download gratuito.

O evento no dia 30 acontece às 15h no auditório do Ibram, que fica no Setor Bancário Norte, Quadra 2 Bloco N – Edifício CNC III (Sobreloja). Outras informações podem ser obtidas pelo endereço eletrônico cddp@museus.gov.br.

Museus Ibram
Recentemente, o Ibram reconheceu, por meio de portarias, as associações de amigos dos museus Imperial, Histórico Nacional e Castro Maya (Chácara do Céu e Museu do Açude), todos no RJ, Museu da Inconfidência (MG), Museu Lasar Segall (SP) e Museu Victor Meirelles (SC)  – todos integrantes da rede de museus Ibram.

Tal reconhecimento deu sequência ao ordenamento jurídico relacionado ao decreto que regulamentou o Estatuto de Museus, publicado em outubro de 2013, no qual há destaque para as associações de amigos, que devem “apoiar e colaborar com as atividades dos museus, contribuindo para seu desenvolvimento e para a preservação do patrimônio museológico”. Saiba mais.

Texto: Ascom/Ibram

CNIC de outubro aprova 21 projetos na área de museus

Realizada entre os dias 7 e 9 de outubro, em Brasília (DF), a 225ª Reunião da Comissão Nacional de Incentivo à Cultura (CNIC) aprovou a captação de cerca de R$ 31,1 milhões para o financiamento de projetos na área de museus.

Foram avaliados no total 21 projetos, entre novas propostas e pedidos de readequação. Todos os projetos foram aprovados. Do total mencionado, 12 projetos foram avaliados pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), para os quais foi aprovado um valor total de R$ 26.098.799,06. Os demais nove projetos, para os quais foram autorizados R$ 5.003.508,20, foram avaliados por outras vinculadas do Ministério da Cultura (MinC).

Os projetos aprovados, que agora poderão captar recursos via mecanismo de renúncia fiscal (Lei Rouanet), contemplam a realização de exposições, projetos educacionais e obras de readequação, a produção de estudos e publicações e o financiamento de planos anuais para 2015. Veja o resultado completo da CNIC de outubro de 2014.

Formada por representantes da sociedade civil e do Estado, a CNIC é o órgão colegiado que tem a missão de subsidiar as decisões do MinC na aprovação dos projetos culturais, com vistas a captação via renúncia fiscal.

Texto: Ascom/Ibram

 

 

Republicada licitação para empresa de eventos do Ibram

Republicado hoje (14), no Diário Oficial da União, Aviso de Licitação (Pregão) nº 8, do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), para “contratação de empresa especializada na prestação dos serviços de organização, planejamento, promoção e execução de eventos, elaboração e fornecimento de infraestrutura no que se refere à locação de espaço físico, com mobiliário necessário e adequado, fornecimento de layout ou design para estandes, exposições ou feiras, compreendendo a montagem, desmontagem, limpeza, manutenção, instalações elétricas, hidráulicas de equipamentos e outros serviços correlatos”, para atender ao Ibram em todo território nacional, conforme descrito no Termo de Referência e seus anexos.

A entrega das propostas já está disponível no Portal de Compras do Governo Federal. A abertura das propostas acontece dia 24 de outubro, às 10h. O edital e seus anexos, nos formatos .pdf e .doc, estão disponíveis na página Licitações e Contratos do Ibram. Outras questões ou dúvidas podem ser tratadas pelo endereço eletrônico licitacao@museus.gov.br.

Texto: Ascom/Ibram

Parceria: Museu do Louvre quer realizar exposições no Brasil

A relação entre França e Brasil deve ser ampliada no campo das artes após a visita ao país, na última semana, de uma delegação do Museu do Louvre com o propósito de estabelecer parcerias e detectar espaços capazes de receber exposições. O Louvre foi o museu de arte mais frequentado do mundo em 2013, com mais de 9,3 milhões de visitantes, segundo a publicação The Art Newspaper.

Delegação Louvre

Delegação do Louvre esteve no Brasil na última semana e reuniu-se com o presidente do Ibram (ao fundo)

Formada por Alberto Vial, Conselheiro Diplomático, o curador Pascal Torres, Sophie Kammerer, Chefe de Serviço de Consultoria, e a diretora de Programação Cultural,  Aline François, a equipe fez visitas técnicas a todas as unidades do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), localizadas em Belo Horizonte, Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo.

Na sexta (10), o presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), Angelo Oswaldo, recebeu a delegação em Brasília. “Vamos organizar em 2015 um seminário para discutir temas importantes da museologia contemporânea, como gestão de riscos, arquitetura e museografia, por exemplo”, citou Oswaldo.

“O museu tem uma expertise reconhecida em todo o mundo e, certamente, este conhecimento será importante para os museus brasileiros”. Além disso, Angelo Oswaldo destaca ainda essa aproximação com o Brasil como uma ponte do museu francês com o espaço ibero-americano por meio do Programa Ibermuseus – cuja presidência é do Brasil até 2015.

Escola do Louvre
Em 2012, o Ibram estabeleceu com a Escola do Louvre um convênio voltado ao aperfeiçoamento de profissionais por meio de intercâmbio. Ano passado, as três primeiras brasileiras selecionadas em chamada pública participaram do Seminário Internacional de Verão de Museologia da Escola do Louvre (Siem) e fizeram ainda estágio em museus franceses.

Museu Nacional de Belas Artes integra a rede Ibram no Rio

O Museu Nacional de Belas Artes integra a rede Ibram no Rio

Agora chegou a vez das francesas no Brasil. Nos últimos três meses, Caroline Giecold, Maxime Porto e Sophie Hermann acompanharam, respectivamente, o dia a dia nos Museu Histórico Nacional (MHN), Museu de Arte do Rio (MAR) e Museu Nacional de Belas Artes (MNBA), todos no Rio.

As duas primeiras já retornaram à França e Sophie Hermann permanece até domingo (19). Segundo ela, a experiência brasileira foi muito interessante em vários aspectos.

“Na Europa, é tudo linear [no campo das artes]; aqui, há núcleos de pensamento, pontos de vista. O que mais me chamou a atenção foi a grande diversidade na maneira de pensar a história da arte,” conta a estudante que, com esta experiência, conclui o seu curso na Escola do Louvre.

Para a coordenadora-técnica do Ibram no MNBA, Daniela Matera, a estudante se empenhou em entender a arte brasileira contemporânea, “que chama bastante atenção lá fora”, e se encantou com a história da arte brasileira. “Eu daria nota 10 para a sua atuação e acredito ainda que conseguimos contribuir para a formação dela”, finaliza Matera.

Texto e fotos: Ascom/Ibram

Intercâmbio: museus do Reino Unido recebem brasileiros para estágios

A Secretaria da Economia Criativa do Ministério da Cultura (MinC), em parceria com o British Council, obteve duas vagas em estágios em museus do Reino Unido. As oportunidades serão no Science Museum Group e no Horniman Museum and Gardens.

Os candidatos devem se inscrever para as vagas no British Council e, simultaneamente, no Edital Conexão Cultura Brasil #Intercâmbio para obtenção de ajuda de custo para a cobertura de gastos de viagem. As inscrições para viagens em janeiro, fevereiro e março devem ser feitas até o dia 7 de novembro.

Jardim do Hornimam Museum em Londres

Hornimam Museum  and Gardens em Londres

O Science Museum Group é um dos museus dedicado à ciência mais importantes do mundo. É um organismo público do Reino Unido do qual também fazem parte o Museu Nacional Ferroviário (nas cidades de York e Shildon), o Museu Nacional de Comunicação Social (em Bradford) e o Museu de Ciência e Indústria (Manchester).

O estágio é uma oportunidade única para fazer parte de uma equipe que entrega um programa inovador baseado em ciência contemporânea, tecnologia e medicina, com foco no desenvolvimento de conteúdo, exposição, desenvolvimento de eventos e relações interpessoais. Os candidatos devem ter inglês intermediário, e o estágio tem duração de 12 semanas, a partir de janeiro de 2015.

Inaugurado em 1901, o  Horniman Museum and Gardens tem uma coleção de 350 mil objetos de todo o mundo, e suas galerias incluem história natural, antropologia, música e um aquário.

A oportunidade de estágio profissional possibilitará ao estudante trabalhar com equipe de aprendizagem e voluntariado do museu. Dentre as atividades previstas, aprenderá a manusear as coleções e a receber os visitantes, além de trabalhar na área de pesquisa e desenvolvimento de atividades e programas familiares. Os candidatos devem ter inglês intermediário, e o estágio tem duração de 10 semanas, a partir de fevereiro de 2015.

Texto: Divulgação MinC
Foto: Hornimam Museus/divulgação

Encontro Ibero-Americano de Museus 2014 começa em Lisboa no dia 13

Representantes de 20 dos 22 países que integram o Programa Ibermuseus estarão reunidos em Lisboa (Portugal), entre os dias 13 e 15 deste mês, durante a oitava edição do Encontro Ibero-Americano de Museus. A atividade reúne especialistas da área da museologia e responsáveis nacionais pelas políticas públicas da cultura para dialogar sobre o estado do setor.

Com o tema Caminhos de futuro para os museus: tendências e desafios na diversidade, os profissionais buscam, dentre outros aspectos, aprofundar o conhecimento das realidades museológicas dos países ibero-americanos, funcionando ainda como plataforma de conexão entre Ibero-América, Europa e o espaço da CPLP (Comunidade de Países de Língua Portuguesa), aproveitando que Portugal é o país anfitrião.

Encontro acontece no Museu Nacional de Etnologia em Lisboa

Encontro acontece no Museu Nacional de Etnologia em Lisboa

O Brasil, que está na presidência do Programa Ibermuseus até 2015, será representado por Angelo Osvaldo, presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) e Eneida Braga, diretora de Fomento, Financiamento e Economia de Museus do Ibram.

Após a abertura, na manhã do dia 13, acontece uma conferência inaugural e a seguir serão apresentadas as linhas de ação do Programa Ibermuseus. O encontro está estruturado em quatro painéis e ao final  será apresentada a Declaração de Lisboa. Confira a programação completa.

Comitê também se reúne
Já nos dias 16 e 17, será a vez da reunião do Comitê Intergovernamental do Programa Ibermuseus, formado por 11 dos 22 países da Ibero-América..

Nos dois dias serão apresentados o informe de execução 2014 e o Plano Operativo Anual 2015, além do andamento atual das ações da Unidade Técnica Programa Ibermuseus – encarregada de executar as linhas de ação determinadas pelo Comitê Intergovernamental.

Vinculado a Secretaria Geral Ibero-americana, o Programa Ibermuseus conta com o apoio técnico da Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI)  e do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), com financiamento da Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento (AECID). Saiba mais.

Texto: Divulgação Ibermuseus
Foto: Museu Nacional de Etnologia/divulgação
Edição: Ascom/Ibram

Nova Pesquisa Anual de Museus está disponível a partir de hoje (3)

O Cadastro Nacional de Museus (CNM) inicia hoje (3), a nova Pesquisa Anual de Museus. Aberta à participação de todos os museus brasileiros, a nova pesquisa se propõe a realizar um diagnóstico detalhado do setor sobre temas diversos como acessibilidade, acervo museológico, gestão de pessoas, orçamento entre outros aspectos.

A Pesquisa Anual de Museus, que pode ser respondida até 12 de dezembro, é a primeira que o CNM realiza utilizando sua nova plataforma de dados, parte de uma estratégia cujo objetivo é aumentar o espectro e consistência das informações levantadas.

Capa do primeiro volume da  publicação lançada em 2011 com dados do CNM

Capa do primeiro volume da publicação lançada em 2011 com dados do CNM

Criado em 2006, o Cadastro Nacional de Museus é um dos instrumentos da Política Nacional de Museus, gerenciado pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram).

Formado por uma série de pesquisas periódicas, possui entre seus objetivos o aprofundamento do conhecimento sobre o campo museal, através da coleta, registro e disseminação de informações sobre as instituições museológicas brasileiras.

Séries históricas
“O cadastro agora é composto por uma série de pesquisas distintas com periodicidades diferenciadas”, explica a Coordenadora-Geral de Sistemas de Informação Museal do Ibram, Rose Miranda.

“Essa estratégia visa aprofundar o conhecimento sobre os museus e ao mesmo tempo diminui o número de questões por pesquisa. Além disso, permitirá a construção de séries históricas”, afirma.

A reformulação da plataforma de pesquisa do Cadastro Nacional de Museus também vem ao encontro do Registro dos Museus Ibero-Americanos (RMI). Coordenado pelo Programa Ibermuseus e em fase de implantação, o projeto prevê o mapeamento dos museus da América Latina e da Península Ibérica. A plataforma, que irá possibilitar o cruzamento de dados dos mais de oito mil museus da região, terá no CNM sua porta de entrada para o Brasil.

Acesse a nova pesquisa do Cadastro Nacional de Museus. Confira antes o Manual de Preenchimento  e o Termo de Compromisso do CNM. O questionário da pesquisa em formato texto também está disponível para facilitar o levantamento de informações por parte do museu antes do preenchimento na plataforma online.

Dados do CNM alimentam o ranking anual do periódico The Art Newspaper sobre exposições mais vistas no mundo

Dados do CNM alimentam o ranking anual do periódico The Art Newspaper sobre exposições mais vistas no mundo

Publicações e projeção internacional
Em oito anos de operação, o Cadastro Nacional de Museus já mapeou mais de 3,4 mil instituições museológicas em todo o Brasil.

Seus dados têm sido utilizados para o aprimoramento de políticas públicas voltadas para o setor museal, sobretudo após a estruturação de duas publicações: Guia dos Museus Brasileiros e Museus em Números – este último, o primeiro estudo estatístico nacional dos museus brasileiros.

As informações públicas do CNM também já alcançaram projeção internacional. A base de dados já serve como fonte para publicações, como o periódico inglês The Art Newspaper, que divulga anualmente um ranking das exposições mais visitadas em todo o mundo.

A disponibilidade de dados sobre o tema ajudou a colocar o Brasil pela primeira vez, no ano de 2011, entre os países com maior volume de visitação a exposições – fato que vem se repetindo a cada nova edição do ranking, como em 2013. Saiba mais.

Dúvidas ou outra questões relativas a nova Pesquisa Anual de Museus do CNM podem ser esclarecidas pelo endereço eletrônico cnm@museus.gov.br.

Texto: Ascom/Ibram
Imagens: Divulgação

Museu da Imprensa abre concurso para estudantes e professores

A 17ª edição do concurso nacional de Desenho, Redação e Artigo do Museu da Imprensa, localizado em Brasília (DF), está com as inscrições abertas até 31 de dezembro.

Podem participar estudantes de todos os níveis de ensino, regularmente matriculados em escolas públicas e particulares de todo o país. Os vencedores ganharão prêmios em caderneta de poupança. Professores dos alunos vencedores também serão premiados.

Ary Barroso compôs sucessos como

Ary Barroso compôs sucessos como “Aquarela do Brasil” e “No tabuleiro da baiana”

Neste ano, o desafio proposto na categoria Redação (Ensino Fundamental/6º ao 9º ano) é abordar o legado do compositor e cantor baiano Dorival Caymmi (1914-2008).

Ainda em Redação, os estudantes do 1º ao 3º ano do ensino médio devem escrever a respeito do Sentimento Nacional na obra de Ary Barroso (1903-1964), outro compositor brasileiro de música popular.

Destaque também na categoria Artigo (Ensino Superior) para o tema importância dos museus na formação cultural do país.

Os estudantes do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano) podem concorrer na categoria Desenho trabalhando o tema Ayrton Senna visita o Museu da Imprensa. Como forma de incentivo, o professor indicado em cada um dos trabalhos dos alunos vencedores em 1º, 2º e 3º lugares, exceto na categoria Artigo, também será premiado com uma caderneta de poupança. Saiba mais.

Texto: Divulgação Imprensa Nacional
Foto: Internet/divulgação

Museus de Belém vão integrar programação do 6º FNM em novembro

Desde o dia 24, uma equipe do Ibram está em Belém (PA) ajustando a realização do 6º Fórum Nacional de Museus (FNM), que acontece entre os dias 24 e 28 de novembro com o tema Museus Criativos.

Encontros com o Sistema Integrado de Museus (SIM) do Pará, a coordenação do Curso de Museologia da Universidade Federal do estado (UFPA), a Companhia Paraense de Turismo (Paratur), o Memorial do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região, entre outros parceiros institucionais e privados, tiveram como foco a infraestrutura do evento, a recepção de participantes e a montagem de atividades de programação.

Reunião ontem (25) no Museu de Arte Sacra de Belém. Na foto, a coordenadora do SIM, Camem Cal

Reunião ontem (25) no Museu de Arte Sacra de Belém. Ao fundo, a coordenadora do SIM Pará, Carmem Cal

A equipe também está realizando visitas técnicas a museus da cidade: Museu Goeldi, Museu de Arte de Belém, Museu de Arte Sacra do Pará e Museu do Estado do Pará.

A proposta é que os espaços possam sediam atividades da programação do Fórum Nacional de Museus, como minicursos e exposições. Existe a ainda a expectativa de outras adesões, como o do Museu do Tribunal de Justiça do Estado.

Artesanato e Teia da Memória
“Há um grande interesse local na realização de um encontro de museus da região Norte durante o FNM”, conta Ana Lourdes Costa, que integra a equipe do Ibram que está na capital paraense. “A razão principal é dar início à formação de redes que possibilitem uma maior articulação entre os estados”.

Lourdes lembra ainda que a realização do Encontro Regional do Programa Nacional de Educação Museal (PNEM) em Belém, durante o mês de outubro, servirá para mobilizar museus e educadores antes do fórum nacional. Saiba mais sobre o PNEM.

Hoje (26), última dia da equipe do Ibram no Pará, as reuniões giram em torno da organização de uma feira de artesanato com artistas locais, como forma de promover o trabalho dos artesãos para um público vindo de todas as regiões do Brasil. Ainda se encontram com a equipe do Ponto de Memória Terra Firme, tendo em vista que a Teia da Memória também acontecerá durante o 6º Fórum Nacional de Museus.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: CPGII/Ibram

Matérias relacionadas
6º FNM: tema dá sequência a debate sobre museus e comunidades
6º Fórum Nacional de Museus vai acontecer em novembro no Pará

CNPC reconhece Comitê Gestor do SBM como Colegiado Setorial de Museus

Em reunião ontem (23), em Brasília (DF), o Conselho Nacional de Políticas Culturais (CNPC) aprovou, com 19 votos favoráveis, que o Comitê Gestor do Sistema Brasileiro de Museus (SBM) seja equiparado a Colegiado Setorial de Museus no plenário do CNPC. Nove representantes votaram contra e quatro se abstiveram.

O comitê, cuja nova constituição foi ratificada em abril deste ano, é composto por 23 representantes de sistemas de museus, conselhos e associações de classe, museus privados e comunitários, além de universidades, ministérios e autarquias vinculadas ao Ministério da Cultura (MinC). No total, são 13 membros indicados pela sociedade civil e 10 pelo poder público. Confira quais são as entidades e seus respectivos representantes.

Primeira reunião de trabalho do novo Comitê Gestor do SBM aconteceu em Maio na sede do Ibram em Brasília

“O Ibram e o campo dos museus recebem a decisão do CNPC como um voto de confiança na transparência do Sistema Brasileiro de Museus e na qualificação do seu comitê gestor que constitui, de fato, um colegiado, por traduzir a dinâmica do setor em suas diversas expressões”, explica Angelo Oswaldo, presidente do Ibram.

O CNPC é um órgão colegiado integrante da estrutura básica do MinC, e tem por finalidade propor a formulação de políticas públicas com vistas a promover a articulação e o debate dos diferentes níveis de governo e a sociedade civil organizada para o desenvolvimento e o fomento das atividades culturais no território nacional. Atualmente, 17 colegiados setoriais estão instalados – número que passa para 18 com o resultado da reunião do dia 23. Saiba mais.

Histórico
Criado em 2004, o Comitê Gestor do SBM tem por finalidade principal facilitar o diálogo entre museus e instituições afins,  com vistas a gestão integrada e ao desenvolvimento dos museus, acervos e processos museológicos brasileiros.

O comitê propicia ainda o fortalecimento e a criação dos sistemas regionais de museus, a institucionalização de novos sistemas estaduais e municipais e a articulação de redes temáticas de museus. Foram as discussões no âmbito do órgão, em 2006, além de consulta feita ao setor museal, que formataram o Projeto de Lei que levou a criação do Estatuto de Museus em 2009.

Em agosto de 2011, o Ibram solicitou ao MinC e ao CNPC que equiparasse o Comitê Gestor do SBM a Colegiado Setorial de Museus, pedido reiterado em outubro de 2013, por meio de inclusão de novo parágrafo na portaria que estabeleceu, em 2010, o Regimento Interno do Conselho Nacional de Políticas Culturais.

Fórum Nacional de Museus: eleições diretas para CNPC acontecem a cada dois anos

Fórum Nacional de Museus: eleições diretas para CNPC acontecem a cada dois anos

Após pedido de vistas do processo por parte de representantes do CNPC, na última terça-feira (22) as relatoras consideram pertinente a demanda do Ibram, tendo em vista que as atribuições do referido comitê vão ao encontro dos propósitos dos colegiados setoriais, o tempo de mandato de seus membros é o mesmo (2 anos), assim como sua composição contempla tanto o poder público quanto sociedade civil.

Fórum Nacional de Museus
O Fórum Nacional de Museus (FNM) é instância onde os representantes do setor museal junto ao CNPC são escolhidos pelo voto direto. Em 2012, durante sua quinta edição, quatro entidades foram habilitadas a concorrer as vagas, tendo sido escolhidas a Associação Brasileira de Museologia (ABM) como titular, e o Conselho Federal de Museologia (Cofem) como suplente, após indicações para lista tríplice.

Neste ano, o 6º Fórum Nacional de Museus, que acontecerá entre os dias 24 e 28 de novembro, em Belém (PA), propõe os mesmos procedimentos de seleção de representantes para o CNPC. Podem votar na eleição todos os participantes, maiores de 16 anos, inscritos no FNM. Cada eleitor pode votar apenas uma vez, apresentando um documento oficial com foto no momento da votação.

Texto e fotos: Ascom/Ibram

Matérias relacionadas
MinC nomeia novo Comitê Gestor do Sistema Brasileiro de Museus
Comitê Gestor do SBM se reúne pela primeira vez após nomeação

 

Página 19 de 55« Primeira...10...1718192021...304050...Última »