Página 8 de 9« Primeira...56789

Visitas guiadas ao Museu da República acontecem antes do carnaval

Na semana que antecede o carnaval, entre os dias 13 e 17 de fevereiro, o Museu da República/Ibram programou uma série de visitas guiadas pelo Palácio do Catete e jardins do museu.

O jardim  é uma área tombada, e tem entre os atrativos lagos, grutas, chafariz e várias esculturas, como o conjunto que representa os cinco continentes: Ásia, África, América, Europa e Oceania.

O Palácio do Catete, além de fazer parte da História do Brasil por ter sido sede do governo brasileiro por cerca de 63 anos e ter hospedado 16 presidentes, é considerado de grande valor arquitetônico e artístico nacional. O Palácio também apresenta um conjunto de obras de arte, como quadros e esculturas, e uma exposição de longa duração sobre a história da República no Brasil.

Para realizar a visita guiada, o visitante tem que comparecer pelo menos 10 minutos antes do início da visita. O número mínimo de participantes por visita é de cinco pessoas e o número máximo é de 20 pessoas. Visita de grupos deve ser agendado pelo telefone (21) 3235. 5124. Outras informações aqui.

Calendário de visitas guiadas
Dia 13 (segunda-feira) , às 10h
Um jardim de História

Dia 14 (terça-feira), às 15h
Arte no Palácio

Dia 15 (quarta-feira), às 15h
Um tempo de memórias

Dia 16 (quinta-feira), às 15h
A Res Pública Brasileira (1º conjuntura)

Dia 17 (sexta-feira), às 10h30
Símbolos Republicanos

Dia 17 (sexta-feira), às 14h30
A Res Pública Brasileira

Fonte: Divulgação Museu da República

Ocupação e subversão do espaço público no Museu da República (RJ)

O Museu da República/Ibram, localizado no Rio de Janeiro (RJ), recebe a partir de sábado (3), uma programação bem diferente das tradicionais exposições relacionadas à história e política nacionais.

Em parceria com o movimento ILOVEXV, que busca legalizar a prática do skate na praça XV de novembro, proibida pela prefeitura do Rio de Janeiro desde 1999, o museu promove de 3 a 10 de dezembro, o evento República do Skate: a subversão do uso. O evento tem ainda o apoio do Museu Histórico Nacional/Ibram e do Circo Voador.

A ideia é apresentar o universo do skate, sua cultura e dialogar sobre os usos e apropriações da cidade e seus logradouros pelos skatistas. Serão dois finais de semana com debates, filmes, exposição, música e campeonato de melhor manobra. Veja o vídeo de divulgação e acesse outras informações.

Fonte: Divulgação Museu da República

Museu da República ganha edição na série Museus Brasileiros

O Museu da República/Ibram, localizado no Rio de Janeiro (RJ), é o tema da 30ª edição da série de livros Museus Brasileiros, produzida pelo Instituto Cultural Safra desde 1982. A publicação foi lançada na terça-feira (22), na sede da instituição.

Financiado com o apoio do Ministério da Cultura (Lei Rouanet), o livro traz informações sobre a história e acervo da instituição, instalada no antigo Palácio do Catete – sede da Presidência da República de 1897 até a transferência da capital federal para Brasília, em 1960.

Nas 360 páginas da publicação estão reproduzidos, em fotos, alguns dos mais representativos objetos, documentos e ambientes que remetem à história da República. Entre os destaques estão o Arquivo Histórico, que reúne cerca de 90 mil documentos relacionados à história da República, o famoso jardim do Palácio e o quarto que reproduz o ambiente em que Getúlio Vargas cometeu suicídio em 1954.

Fonte: Divulgação Instituto Cultural Safra

Museu da República completa 51 anos com programação especial no feriado

O Museu da República/Ibram, localizado no centro do Rio de Janeiro, comemora 51 anos de criação na terça-feira (15). 

Para marcar a data, o Palácio do Catete, que foi sede do Poder executivo brasileiro até a transferência da capital federal para Brasília (1960), oferece ao público uma programação especial.

No feriado da Proclamação da República, o museu abre suas portas às 10h, com entrada franca. A partir das 10h30, e durante todo o dia, atividades como contação de histórias, visitas mediadas e jogos garantem o entretenimento de crianças e adultos.

A programação será encerrada com a apresentação da Orquestra Villa-Lobos e Crianças, no jardim do museu, a partir das 16h, e com o encerramento da exposição Adjetos e Aparatos Femininos, que acontece a partir das 17h na Galeria do Lago. Veja mais detalhes aqui.

Fonte: Divulgação Museu da República

República das Histórias todas as quartas no Museu da República (RJ)

A Biblioteca do Museu da República apresenta todas as quartas-feiras, das 10h às 12h, o projeto “República das Histórias”, atividade lúdica dirigida às crianças da comunidade do Catete e arredores, no espaço do Coreto, que fica no jardim do Museu.

O projeto disponibiliza a jovens de várias idades um pequeno acervo de literatura infanto-juvenil, com a presença em tempo integral das bibliotecárias, buscando a interação entre mães e filhos na formação de futuros leitores, com toda a atividade acompanhada de música e incentivo à leitura, com entrada franca.

Os contatos com a Biblioteca do MR podem ser feitos pelo e-mail mr.biblioteca@museus.gov.br ou pelos tels. (21) 3235-5509 / 5520.

Programa da TV Brasil divulga museus do Rio de Janeiro

O programa Repórter Rio, da TV Brasil, inaugura nesta quarta-feira, 3/8, a série Vamos ao Museu?, que irá ao ar toda semana (às quartas, das 12h às 12h30), sempre com um museu como tema. A série vai mostrar a riqueza histórica e cultural guardada nos museus da cidade do Rio de Janeiro.

A intenção é usar uma linguagem moderna para “guiar o telespectador por diferentes épocas, civilizações e costumes que revelam curiosidades sobre a vida do povo brasileiro e de seus antepassados”, anuncia a emissora.

O quadro de estréia apresenta o Museu Histórico Nacional/Ibram. Foi feita extensa gravação no circuito de exposição de longa duração do museu, com destaque para a iconografia de Tiradentes, carruagens e a Santa do Pau Oco, entre outras peças.

O Museu da República/Ibram e o Museu Nacional Quinta da Boa Vista serão as próximas atrações do programa, e logo outras instituições museais também serão mostradas. O programa tem roteiro e direção de Renata Chaiber e edição e apresentação de Cláudia Tisato.

Veja o vídeo de divulgação da série: http://www.youtube.com/watch?v=8A3FQ7Qh9UY

Museu da República (RJ) abre temporada de visitas guiadas

O Museu da República, no Rio de Janeiro (RJ), dá início em agosto a uma temporada de visitas guiadas. Boa oportunidade para conhecer um pouco mais sobre a História do Brasil, as visitas atendem a famílias, turmas escolares e outros interessados em visitar o Palácio do Catete, que foi sede do governo federal de 1896 a 1960.

As visitas guiadas são temáticas e acontecem de segunda a sexta-feira (confira abaixo dias e horários), podendo ser realizadas com grupos de no mínimo cinco e no máximo vinte pessoas. No caso de grupos, é necessário fazer agendamento prévio. A direção do museu orienta que os interessados compareçam à bilheteria do museu pelo menos 10 minutos antes do início da visita desejada.

 

Serviço

Visitas Guiadas no Museu da República – Um Palácio e suas Memórias
Programação de Agosto

Dias 1º e 15 (segunda-feira), às 10h
“Um Jardim de Histórias” (Jardim Histórico), com Carlos Xavier, do setor Educativo.

Dias 2 e 16 (terça-feira), às 15h
“Arte nos Salões” (Salão Amarelo ou Veneziano), com Isabel Sanson Portella, do setor de Pesquisa de Acervo.

Dias 3 e 17 (quarta-feira), às 15h
“Um Tempo de Memórias” (Palácio do Catete), com Maria de Lourdes Teixeira, do setor Educativo.

Dias 4 e 18 (quinta-feira), às 15h
“República Proclamada – 1ª conjuntura da exposição A Res publica Brasileira”, com Sílvia Pinho e Carlos da Cunha Vianna, do setor de Arquivo Histórico.

Dias 5 e 19 (sexta-feira), 10h30
“Símbolos Republicanos”, com Carla Costa, do setor de Pesquisa.

Dias 5 e 19 (sexta-feira), 14h30
Exposição “A Res publica Brasieira”, com Joana Regattieri e Marcus Vinicius Macri Rodrigues, do setor de Pesquisa.

Agendamento prévio em caso de grupos:
mr.cultural@museus.gov.br
www.museudarepublica.org.br

Museu da República
Rua do Catete, 153
Informações: (21) 3235 5124

Fonte: Museu da República

Museu da República oferece programação de visitas mediadas

O Museu da República, do Rio de Janeiro, está oferecendo ao público uma programação de visitas mediadas que estão fazendo o maior sucesso. Elas acontecem sempre na primeira e na terceira semana de cada mês.

O Projeto “Um Palácio e suas Memórias”, sob a coordenação e participação de técnicos do Museu, se estende de segunda a sexta-feira, sempre às 15h, e vem atraindo um público ávido pelo conhecimento da história do Palácio do Catete e da República Brasileira.

Confira a programação:

Às segundas-feiras, o público pode se deliciar com a visita “Um Jardim de Histórias”, com o educador Carlos Xavier, que conta a história do jardim do Palácio do Catete.

Às terças-feiras, o projeto “Arte no Palácio” oferece palestra destinada ao público interessado na observação do estilo decorativo dos ambientes do Palácio. Organizada e apresentada pela crítica de arte e museóloga Isabel Portella, pode-se observar características e estudos do Salão Amarelo (originalmente conhecido como Salão Veneziano), enfocando a parte decorativa num prédio construído no século XIX com características arquitetônicas claramente inspiradas nos palácios residenciais de Florença, na Itália.

“Um Tempo de Memórias” é o tema da visita programada para as quartas-feiras, quando o público pode percorrer todos os andares do Museu da República e se deliciar com a história da Casa, com  a participação da técnica em educação Maria de Lourdes Teixeira.

Às quintas-feiras, a visitas mediadas têm como foco a 1º conjuntura da exposição “A Res publica Brasileira”, intitulada a República Proclamada, onde os historiadores Carlos Vianna e Silvia Pinho apresentam o período inicial da história republicana brasileira.

E às sextas-feiras é a vez do visitante conhecer toda a exposição “A Res publica Brasileira”, que aborda a história republicana brasileira até os dias de hoje, com a técnica em Ciências Sociais Joana Regattieri e o historiador Marcus Rodrigues.

Anote a sua preferência e divulgue para os amigos. Os grupos são de 25 pessoas.

Informações: (21) 3235-5179 / 3235-5236 / 3235-5360

“Você conhece, você se lembra?” no Museu da República até julho

Imagine um objeto que você tenha em casa há anos e que tenha pertencido à vovó, à bisavó ou a outro antigo parente. Uma relíquia antiga, guardada com todo cuidado, mas que ninguém sabe para que serve. A curiosidade despertada por esse tipo de objetos é o mote da exposição Você Conhece, você se lembra – Tá quente, tá frio, no Museu da República (Rio de Janeiro). Inaugurada durante a Semana de Museus, a exposição continua até 31 de julho.

A mostra desafia os visitantes a descobrir, de forma lúdica, a função de objetos hoje considerados “diferentes” por não terem mais utilidade no cotidiano. O propósito é ensinar brincando a todas as idades. A exposição apresenta ao público três peças que fazem parte do acervo do museu, e o visitante pode interagir com jogos de liga-ponto, caça-palavras e palavras cruzadas baseados nas peças. A mostra apresenta ainda um objeto-desafio, que pertenceu a uma ex-primeira-dama do país. A curadoria é da historiadora Isabel Portella. Informações: www.museudarepublica.org.br

Museu da República apresenta a exposição Paisagem x Retrato

A Galeria do Lago do Museu da República expõe, até 17 de julho, a mostra Paisagem x Retrato, da artista francesa Berthe Salegos.

Convidada a participar do programa Um Olhar de Fora, Berthe realizou extensa pesquisa sobre as figuras mais representativas do período republicano do Brasil. Com olhos de estrangeira, destacou 21 personagens, entre políticos, artistas e cientistas que com seus talentos modificaram a nossa  história, entre eles: Machado de Assis, Pereira Passos, Santos Dumont, Getúlio Vargas, Marc Ferrez, Tarsila do Amaral (no retrato acima), Nair de Teffé e Dilma Rousseff.

Em sua instalação, Berthe apresenta, as imagens/retratos que são submetidos à ação do tempo, tendo como agente catalisador a água e a atmosfera em geral. À medida em que se velam  e revelam imagens, são evocadas a memória e  imaginação.

A curadora da exposição, Martha Niklaus, diz que, ao lidar com a memória e a imaginação a partir de imagens históricas, Berthe Salegos cria uma metáfora do que se pode chamar de museu.

Paisagem x Retrato usa fotografia com uma abordagem diferente ao criar um trabalho sobre a representação da memória e as múltiplas interpretações da história.

Vinte e um retratos de personalidades republicanas estreitamente ligadas com as grandes transformações políticas, urbanas e sociais foram escolhidas nos arquivos do Museu da República.

O período escolhido pela artista foi de 1889 a 1960 que, de alguma forma,  também traça a história da fotografia. O enquadramento da imagem, as variações de tons de preto e branco ou as cores nas fotos mostram uma temporalidade que descreve as distintas características de opções políticas e estéticas na sociedade neste período de tempo. Posicionada no tempo, a imagem é catalisada nas bacias com líquido preto que estarão na galeria, onde serão depositadas as fotos, ao longo do período da exposição.

Exposição Paisagem x Retrato, da artista francesa Berthe Salegos

Programa Um olhar de fora, da Galeria do Lago, que recebe artistas estrangeiros

Local: Galeria do Lago do Museu da República. Rua do Catete, 153 – Catete – RJ

Visitação: até 17 de julho, de terça a sexta-feira, das 10h às 12h e das 14h às 18h. Entrada franca

Informações: www.museudarepublica.org.br e telefone (21) 3235-5160

Página 8 de 9« Primeira...56789