Museu Nacional de Belas Artes recebe exposição sobre sustentabilidade e design

O Museu Nacional de Belas Artes (MNBA/Ibram), no Rio de Janeiro (RJ), abriga, até 13 de outubro, a exposição Arte e criatividade para a proteção da criação, produzida pelo Ministério do Meio Ambiente da Itália. A mostra integra a agenda cultural da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2013 e é composta por 33 objetos que enfocam a sustentabilidade e levam a assinatura de renomados designers italianos.

Exposição fica em cartaz no MNBA até o dia 13 de outubro

A exposição proporciona ao visitante a chance de  conhecer um significativo conjunto de peças recicladas a partir da transformação de materiais como plástico, alumínio, papelão e outros, que deram origem à suportes de mesa,  bolsas,  cadeiras, luminárias, entre outros objetos.

Na instalação,  encontram-se também imagens de satélite, fornecidas pela empresa Telespazio, que mostram o estado de degradação ambiental em que se encontra o planeta.

Os produtores da exposição acreditam que o evento contribui para fortalecer, proteger e preservar os bens e recursos da natureza. A mostra apresenta em síntese a necessidade de proteção e as oportunidades de desenvolvimento que devem caminhar juntas para alcançar o crescimento sustentável da humanidade.

O Museu Nacional de Belas Artes tem entrada gratuita até o dia 13 de outubro e funciona no período em horário diferenciado: de terça a domingo, de 9h às 21h. Saiba mais.

Texto e foto: Divulgação MNBA

Ministras da Cultura e Meio Ambiente abriram exposições no Rio de Janeiro

No último sábado (20), as ministras da Cultura, Marta Suplicy, e do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, inauguraram as exposições Quando o Brasil Amanhecia – A Primeira Missa no Brasil vista por Victor Meirelles e Candido Portinari e Portinari e os painéis da Capela Mayrink, no Museu Nacional de Belas Artes (MNBA/Ibram), no Rio de Janeiro (RJ). As duas exposições permanecem abertas para visitação até o dia 9 de junho.

Marta Suplicy e o painel de Portinari ao fundo: relevância do pintor modernista

Na cerimônia as duas ministras, a presidente interina do Instituto Brasileiro de Museus, Eneida Braga, e a diretora do MNBA, Mônica Xexéo, assinaram um ato simbólico da doação das obras da Capela Mayrink pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio/MMA) ao MNBA, oficializada no Diário Oficial da União (DOU) do dia 15 de abril. Saiba mais.

“Este é um dia esplendoroso para a cultura e para o Museu Nacional de Belas Artes”, afirmou a ministra Marta Suplicy ao ressaltar a relevância da incorporação das obras ao acervo do museu, principalmente pela importância de Candido Portinari para a pintura modernista no país.

A ministra agradeceu ao ministério do Meio Ambiente (MMA) pela doação e declarou ainda que é preciso estimular a exposição ao público de coleções particulares, seja por meio de doações ou de empréstimos a museus.

Levantamento e doação

Ministra do Meio Ambiente prometeu novas doações para museus brasileiros

A ministra Izabella Teixeira se disse emocionada com a formalização da doação dos painéis da Capela Mayrink para o MNBA, afirmando que a cooperação do MMA com o MinC não se limitará a esta doação.

A ministra pediu que o Ibram faça um levantamento de todo o patrimônio artístico do MMA: “aqui começa uma nova travessia e esse patrimônio todo será doado ao Ibram para que os museus possam ampliar seus acervos”, concluiu.

Já a presidente interina do Ibram, Eneida Braga, afirmou que “tais doações simbolizam o esforço do governo brasileiro, inclusive com ações interinstitucionais, em cumprir uma das premissas da Política Nacional de Museus: a preservação e aquisição de acervos a fim de garantir acesso da população à produção artística nacional.

Também estiveram presentes na cerimônia o Deputado Federal Alessandro Molón; o Presidente do Instituto Chico Mendes, Roberto Ricardo Vizentin; o diretor do Instituto Estadual do Patrimônio Cultural do Rio de Janeiro (Inepac), Paulo Vidal; a Diretora do Projeto Portinari, Maria Duarte, os diretores dos museus Imperial, Maurício Ferreira Jr., e Vera Tostes, do Histórico Nacional, entre outros convidados.

Texto: Ascom/Ibram
Fotos: Alexandre Arruda/MinC

Ibram passa a integrar Programa A3P do Ministério do Meio Ambiente

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) assinou com o Ministério do Meio Ambiente (MMA), termo de adesão para implantação do Programa Agenda Ambiental na Administração Pública A3P no âmbito do instituto. O extrato foi publicado no Diário Oficial da União do dia 9 de janeiro.

A assinatura do termo busca promover a reflexão sobre os problemas socioambientais no âmbito do Ibram, bem como estimular a adoção de atitudes e procedimentos que levem ao uso racional dos recursos naturais e dos bens públicos.

Dentre os objetivos estão uma maior eficiência dos serviços prestados; garantir a gestão integrada de resíduos pós-consumo, inclusive a destinação ambientalmente correta, assim como melhorar a qualidade do ambiente do trabalho.

Uma ação importante, já desenvolvida pelo Ibram e que irá somar a novas ações a partir desse acordo, é a coleta seletiva. Os servidores da sede, em Brasília, já separam o lixo não reciclável do lixo reciclável – recolhido quinzenalmente por uma cooperativa local.

O próximo passo é a criação de uma agenda ambiental voltada não só para o Ibram/Sede, mas principalmente para os 30 museus vinculados. Mais informação sobre o programa estão disponíveis na página do Ministério do Meio Ambiente.

Texto: Ascom/Ibram

Com 154 eventos cadastrados, Roteiro Cultural Museus Rio+20 já está disponível

Reconhecendo a importância da Conferência das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável – Rio+20, o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) convidou os museus e entidades culturais do estado do Rio de Janeiro (RJ) a proporem programações relacionadas ao tema ambiental.

O resultado é o Roteiro Cultural de Museus – Rio+20, disponível em formato digital a partir de hoje na página do Ibram, cuja versão impressa será entregue durante a conferência – realizada entre os dias 13 e 22 de junho em vários pontos da cidade do Rio de Janeiro. Saiba mais.

O roteiro inclui programação com 154 eventos em 55 instituições culturais, localizadas em 13 cidades do estado do RJ. Grande parte das atividades têm a sustentabilidade como tema.

Texto: Ascom/Ibram

Inscrições para Roteiro Cultural Rio+20 seguem até 4 de maio

Museus e entidades culturais do estado do Rio de Janeiro interessados em participar do Roteiro Cultural Museus Rio+20, devem cadastrar suas atividades até o dia 4 de maio. 

Seminários, exposições, oficinas, espetáculos, mesas-redondas, visitas guiadas, exibições de filmes, entre outras atividades, podem integrar o roteiro cultural – que será impresso e distribuído pelo Ibram/MinC durante a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), qu acontece entre os dias 13 e 22 de junho, na cidade do Rio de Janeiro (RJ).

Entre as instituições que já cadastraram atividades estão o Centro Cultural do Branco do Brasil (CCBB), que irá inaugurar a exposição Amazônia – ciclos da modernidade; o Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST), com a Feira de Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia da Rio+20; e o Museu da Casa da Hera/Ibram, localizado em Vassouras, com o encontro do Ecoclube Manoel da Silva Rebello – projeto que visa ampliar o contato de crianças com a natureza.

O cadastro das atividades deve ser feito na plataforma Museus Rio+20 disponível aqui.  Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail MuseusRio+20@museus.gov.br.

Texto: Ascom/Ibram

Ibram propõe roteiro cultural para museus do Rio de Janeiro durante a Rio+20

Tendo em vista a realização da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), entre os dias 13 e 22 de junho de 2012, na cidade do Rio de Janeiro, o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) convida museus e entidades culturais do Estado do Rio de Janeiro a colaborarem na elaboração de um roteiro cultural Museus Rio +20.

O objetivo é convocar a comunidade a discutir, vivenciar e trocar experiências e reflexões que conduzam à dimensão da diversidade cultural como vetor de desenvolvimento humano.

As instituições interessadas em participar devem se cadastrar, entre 11 de abril e 4 de maio, na página Museus Rio+20 e inserir as informações relativas à programação proposta durante a conferência. O cadastro funciona nos mesmos moldes de atividades desenvolvidas pelo Ibram como a Semana de Museus e a Primavera dos Museus. A inscrição pode ser feita aqui.

Seminários, exposições, oficinas, espetáculos, mesas redondas, visitas guiadas, exibições de filmes, entre outras atividades, podem integrar o roteiro cultural – que será impresso e distribuído pelo Ibram durante a Rio+20, nos diversos espaços que a conferência irá ocupar, assim como ficará disponível em formato digital.  A efetiva inclusão da programação do museu no roteiro cultural acontecerá somente com a inscrição.

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail museusrio+20@museus.gov.br ou pelos telefones (61)3521.4019/4297.

Última atualização: 10 de abril às 17h16

Museu Imperial conta história na Semana do Meio Ambiente

Em comemoração à Semana do Meio Ambiente, a Biblioteca Rocambole do Museu Imperial promoveu uma contação de história com a leitura do livro “Vamos abraçar o mundinho”, de Ingrid Biesemeyer Bellinghausen. O livro parte do questionamento: O que fazer para vivermos bem no mundo e preservar a vida? Com sua arte cheia de cores e texto delicado, a autora apresenta soluções ao alcance de todos, como economia de água, reciclagem e cuidado com os animais e as matas. O objetivo é mostrar que, com cada um ajudando um pouco, é possível “abraçar e proteger o mundinho”.

O Museu Imperial, em Petrópolis (RJ), organiza nos dias 9 e 22 de junho, às 13h30, a exibição do vídeo Turma da Mônica em Uma Aventura no Tempo, voltada para crianças de 6 a 9 anos. Já nos dias 10 e 30 de junho, acontece a “Hora do conto”, com a obra “O menino que morava no livro”, tendo como público-alvo crianças de 5 a 7 anos.

A Biblioteca Rocambole é formada por um acervo de cerca de 350 obras, incluindo livros, revistas, gibis, DVDs, jogos, dicionários e atlas, que estão abertas à consulta de quaisquer interessados. Também é possível se cadastrar gratuitamente para realizar empréstimos de livros e revistas.

O espaço funciona de quarta a sexta-feira, das 9h às 12h, para consultas e empréstimos, e de 14h às 17h, para atividades com grupos escolares. Escolas e outras instituições de ensino interessadas em participar podem realizar o agendamento junto ao setor de Educação do Museu Imperial, através do telefone (24) 2245-7735. Todos os eventos são gratuitos.

A biblioteca possui ainda um blog no qual crianças, pais e professores podem interagir com o personagem Rocambole, consultar a programação e receber informações sobre História, Literatura e outros temas. O endereço é http://bibliotecarocambole.blogspot.com.

SERVIÇOS

 Biblioteca Rocambole

Endereço: Museu Imperial – Rua da Imperatriz, 220, Centro – Petrópolis

Informações: (24) 2245-4162 / 2245-4182

Agendamento de grupos escolares: (24) 2245-7735

Blog: http://bibliotecarocambole.blogspot.com

Exibição do vídeo “Turma da Mônica em Uma Aventura no Tempo”

Datas: 9 e 22 de junho de 2011 – 13h30

Público-alvo: alunos de 6 a 9 anos / grupos de até 20 pessoas

Informações e agendamento gratuito: (24) 2245-7735

Hora do conto – obra “O Menino que Morava no Livro”

Datas: 10 e 30 de junho de 2011 – 13h30

Público-alvo: alunos de 5 a 7 anos / grupos de até 20 pessoas

Informações e agendamento gratuito: (24) 2245-7735

Museu Imperial

Endereço: Rua da Imperatriz, 220, Centro – Petrópolis, RJ

Telefones: (24) 2245-5550 / (24) 2245-5560

Site: www.museuimperial.gov.br

Visitação: de terça a domingo, das 11h às 18h

Jardins: de terça a domingo, das 8h às 18h

Preços:

Adultos: R$ 8,00

Estudantes, professores e maiores de 60 anos: R$ 4,00

Menores de 7 anos e maiores de 80: gratuito

Moradores de Petrópolis e petropolitanos, às quartas-feiras e no último domingo do mês: gratuito

Museu de Itaipu comemora Semana do Meio Ambiente

O Museu de Arqueologia de Itaipu/Museu SocioAmbiental de Itaipu (MAI/MUSAI) comemora a Semana do Meio Ambiente de 27 de maio a 5 de junho.  No dia 29, o museu participa do projeto Limpa Lagoa de Itaipu II com a exposição do projeto de “Diagnóstico e Monitoramento da Saúde Lagunar e dos Recursos Pesqueiros de Itaipu” do Programa de Educação Ambiental do MAI/MUSAI.

Os eventos da semana têm como objetivo o incentivo às práticas de educação ambiental através da realização de atividades como mutirão de restauração florestal, trilhas interpretativas, palestras e exposições.