Museu Imperial promove seminário sobre digitalização de acervos

Estão abertas até 30 de agosto as inscrições de ouvintes para o Seminário Nacional de Digitalização, Preservação e Difusão de Acervos Patrimoniais, que será promovido pelo Museu Imperial de 19 a 21 de outubro.

O evento é uma iniciativa do Projeto de Digitalização do Acervo do Museu Imperial (Projeto DAMI) e fará parte da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. O objetivo é debater o processamento técnico de acervos arquivísticos, bibliográficos e museológicos nas instituições de guarda públicas e privadas, visando à democratização do acesso aos bens culturais através da digitalização e disponibilização online.

Durante o seminário, será apresentado o trabalho realizado na construção da base de dados do Museu Imperial pelo Projeto DAMI, que tem como objetivo disponibilizar na internet todo o acervo da instituição.

A programação completa pode ser conferida no site do Museu Imperial, onde também estão sendo feitas as inscrições, através do link Acervo Digital – Seminário Nacional de Digitalização. Além da participação no seminário, a inscrição também inclui apresentações dos espetáculos Som e Luz e Um Sarau Imperial.
 

 

Serviço
Seminário Nacional de Digitalização, Preservação e Difusão de Acervos Patrimoniais
Data: de 19 a 21 de outubro de 2011
Local: Museu Imperial
Inscrições para ouvintes: até 30 de agosto – R$ 100,00 e R$ 50,00 (estudantes, professores e servidores públicos), pelo site www.museuimperial.gov.br
Informações: mimp.dami@museus.gov.br

Museu Imperial completa 70 anos e inicia digitalização de acervo

Comemorando 70 anos de criação na próxima segunda-feira, 29 de março, o Museu Imperial apresenta uma das iniciativas mais importantes de sua história. O projeto de Digitalização do Acervo do Museu Imperial (DAMI), vai disponibilizar no novo portal da instituição, que será lançado na mesma data, imagens de todo o seu acervo, composto por mais de 200 mil documentos, 55 mil livros e periódicos e 7 mil objetos de arte.

O aniversário será marcado também pelo lançamento da publicação “Caderno de Conservação – Coleção Chapéus”, de Eliane Marchesini Zanatta e apresentação do Sarau Imperial. Serão entregues medalhas comemorativas em homenagem às pessoas que ajudaram a enriquecer o acervo por meio de doações. Haverá também exibição de produtos para a loja do museu.

Segundo o diretor do Museu, Maurício Ferreira, o projeto DAMI levará mais de uma década para ser concluído, mas o público poderá desfrutar das informações já a partir do dia 29 de março, quando serão disponibilizadas duas coleções: do visconde de Itaboraí, Joaquim José Rodrigues Torres (1802-1872), e do compositor Carlos Gomes, doada ao Museu por sua filha Ítala Vaz de Carvalho.

Confira a programação das comemorações

O Museu Imperial está localizado na Rua da Imperatriz, 220, Centro, Petrópolis-RJ. Informações: (24) 2245-5550