Programa oferece bolsas de capacitação a profissionais de museus

Estão abertas as inscrições para a primeira edição do Bolsas Ibermuseus de Capacitação. O objetivo da ação é promover mecanismos de proteção e gestão do patrimônio museológico ibero-americano, por meio da qualificação profissional, além de fomentar a consolidação da Rede Ibero-Americana de Museus.

Bolsas_IbermuseusA iniciativa faz parte do Programa Ibermuseus e permitirá a participação de profissionais da área em atividades como cursos de curta duração, seminários, congressos e oficinas sobre temas relacionados à conservação preventiva, gestão de riscos e atuação em emergências.

Os interessados podem submeter online as candidaturas até dezembro de 2016 – ou até que se esgotem os recursos disponíveis. A inscrição deve ser feita com antecedência mínima de 60 dias ao início da atividade pretendida.

12 países podem concorrer
As bolsas serão concedidas aos profissionais que atuem nas áreas relacionadas à gestão e manejo de coleções: conservação, restauração ou curadoria em instituições museais ou instituições governamentais responsáveis pelas políticas públicas para os museus dos 12 países membros do Comitê Intergovernamental do Programa: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, Espanha, México, Paraguai, Peru, Portugal e Uruguai.

As bolsas cobrirão taxa de inscrição, caso se aplique; passagens de avião, trem ou ônibus, dependendo do local da atividade; translado terrestres em transporte público entre o aeroporto, o hotel e o local da atividade; seguro viagem; hospedagem e alimentação.

De acordo com o edital, a duração do benefício poderá oscilar de dois a cinco dias de atividade formativa. Após a conclusão das ações de capacitação, os selecionados deverão executar um projeto de multiplicação dos conhecimentos adquiridos em sua instituição. O projeto deverá ser apresentado no ato de inscrição e será submetido à aprovação (junto às demais documentações solicitadas).

Acesse a íntegra da convocatória e saiba mais sobre o Programa Ibermuseus.

Texto: Portal Brasil

Programa Ibermuseus abre seleção para projetos de curadoria

O Programa Ibermuseus, iniciativa intergovernamental de cooperação cultural para a área de museus em toda a comunidade Ibero-Americana, lançou ontem (5), a 3ª Convocatória ibero-americana de Projetos de Curadoria – Conversaciones.

Com a ação, o Ibermuseus convida instituições culturais dos 22 países ibero-americanos a apresentarem projetos expositivos realizados em parceria entre duas ou mais instituições de diferentes países, estimulando, assim, o intercâmbio de acervos museológicos e o fomento ao diálogo intercultural.

Conversaciones_banner2

Peça da campanha de divulgação do edital Conversaciones 2015

Serão financiados dois projetos expositivos de US$ 40 mil cada, para a circulação de acervos ou exposições entre as instituições ibero-americanas.

As inscrições estão abertas até 5 de abril e podem ser realizadas pelo Portal Ibermuseus, onde os interessados podem encontrar o edital e demais informações sobre a convocatória.

Para participar, as instituições devem ter caráter cultural, educativo ou afim, além de estarem ligadas à administração pública (municipal, regional ou nacional) ou serem empresas privadas sem fins lucrativos.

Os projetos deverão ser apresentados por uma única instituição, proveniente de um dos países membro do Comitê Intergovernamental do Programa. Saiba mais.

O Programa Ibermuseus está vinculado à Secretaria Geral Ibero-americana (Segib) e conta com o apoio técnico da Organização dos Estados Ibero-Americanos (OEI) e do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC), além do suporte da Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento (Aecid).

Atualmente o programa é presidido pelo Brasil, onde funciona sua Unidade Técnica, encarregada da execução das linhas de ação determinadas pelo Comitê Intergovernamental. Visite a página do Programa Ibermuseus.

Texto e imagem: Divulgação Ibermuseus

Edital Conversaciones apoiará projetos de curadoria na Ibero-América

Com o edital Conversaciones, o Programa Ibermuseus quer apoiar e estimular a produção de projetos de curadoria entre museus Ibero-Americanos.

O objetivo é dar apoio a conceitualização e a pré-produção de projetos expositivos entre instituições de dois ou mais países, com caráter bilateral ou multilateral, sobre temas de interesse que atendam à identidade e a diversidade cultural e natural que lhe são características.

A convocatória está aberta até 20 de abril de 2012 para museus da Comunidade Ibero-Americana, sem fins lucrativos e de qualquer temática, sendo possível concorrer em parceria com instituições de países não Ibero-Americanos. O formulário de inscrição e a convocatória oficial estão disponíveis no Portal Ibermuseus.

Resultados da edição 2010
Na primeira edição do Conversaciones, dois projetos foram desenvolvidos: uma exposição de projeto para a criação de um Museu Rural Comunitário no município de Villa Vil, nos Andes argentinos, para atender comunidades campesinas e os povos indígenas da região.

Já a exposição Da Cartografia do Poder aos Itinerários do Saber, colaboração entre Portugal e o Brasil, apresenta o papel dos cientistas do século XVIII e sua influência na disseminação da cultura científica pelas instituições universitárias portuguesas e brasileiras. Até 31 de dezembro de 2011, a exposição pode ser visitada na Faculdade de Ciências da Universidade de Coimbra (Portugal), e, no próximo ano, será montada no Rio de Janeiro (Brasil).

Ibermuseus é um programa intergovernamental de cooperação cultural para o fomento, criação e fortalecimento de políticas públicas na áreas da museologia e patrimônio na Ibero-america. Está vinculado à Secretaria Geral Ibero-americana (SEGIB), conta com o apoio técnico da Organização dos Estados Ibero-Americanos (OEI) e do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC), e tem o apoio financeiro da Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento (AECID).

Fonte: Divulgação Ibermuseus