Página 2 de 3123

Divulgada lista de inscrições aptas para a 2º fase do Intercâmbio com a Dinamarca

Publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (26), a lista provisória de inscrições consideradas aptas para a 2ª fase do Intercâmbio Profissional Brasil – Dinamarca. Em ordem alfabética, os selecionados são: Filipe César Campos de Faria Morais, Márcia Regina Escorteganha e Janine Menezes y Ojeda.

O prazo para interposição de recurso contra o resultado das avaliações será de até três dias úteis, contados da divulgação dos resultados. As razões de recurso deverão ser encaminhadas ao Ibram por meio de ofício assinado, enviado para o endereço eletrônico asint.selecao@museus.gov.br.

O programa tem com objetivo trocar experiências e conhecimento em parcerias de aprendizagem, qualificar a formação dos profissionais de museus e produzir novos conhecimentos em museus no Brasil e na Dinamarca, através de realização de seminários, palestras, workshops ou atividade previamente descrita no projeto conforme edital.

Saiba mais sobre a seleção.

 

Seleção Pública – Bolsa de Intercâmbio em Museus Dinamarqueses

Edital nº 6: Abertura de Seleção Pública – Bolsa de Intercâmbio em Museus Dinamarqueses

O edital consiste em selecionar cinco profissionais para participar de intercâmbio nas instituições museais em um período de quinze dias entre os meses de setembro a dezembro de 2015, com objetivo de trocar experiências e conhecimento em parcerias de aprendizagem; qualificar a formação dos profissionais de museus e produzir novos conhecimentos em museus no Brasil e na Dinamarca, por meio da realização de seminários, palestras, workshops ou atividade previamente descrita no projeto conforme edital.

27.11.2015 – Lista provisória de classificação dos aprovados
16.11.2015 – Lista Final de Inscrições consideradas para 2ª Fase
26/10/2015 – Lista provisória de inscrições consideradas para a 2ª fase
Extrato
do edital (publicado no DOU em 25 de maio de 2015)
Edital nº 6 (.pdf)
Retificação (publicada no DOU em 16 de maio de 2015)

Anexo I (lista de museus dinamarqueses)
Anexo II (Termo de Compromisso)
Anexo III (Ficha de Inscrição)

Dúvidas e outras questões devem ser enviadas para asint.selecao@museus.gov.br.

Parcerias: Ibram dará apoio técnico para projetos de museus goianos

Por ocasião da entrega da reforma do Museu das Bandeiras, em Goiás (GO), no último domingo (2), o presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), Angelo Oswaldo, também visitou os municípios goianos de Pirenópolis e Corumbá de Goiás, onde foram pactuadas parcerias para apoio técnico do órgão aos museus locais.

Em Corumbá de Goiás, Oswaldo participou de encontro com o prefeito da cidade, Célio Fleury, e os secretários municipais de Cultura e Educação.

Durante a reunião, que contou ainda com a presença da historiadora Maria do Carmo Gouveia de Moraes, foi discutido o projeto de criação, na cidade, do Museu de Arte Sacra de Nossa Senhora da Penha de França – para o qual o Ibram assegurou o fornecimento de apoio técnico.

Representantes do Ibram e da prefeitura de Corumbá em visita à igreja reformada

Representantes do Ibram e da prefeitura de Corumbá visitaram igreja recém-restaurada

O novo museu será sediado na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha de França, recém restaurada com o apoio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

A igreja, cuja construção foi iniciada em 1750, é considerada um exemplar da arquitetura colonial dos primeiros anos de ocupação do centro-oeste brasileiro.

Patrimônio local
Em Pirenópolis, o encontro do presidente do Ibram foi com o prefeito local, Nivaldo Melo, e os secretários de Cultura, Educação e Turismo, além do colecionador Augusto César Bittencourt, criador do Museu Rodas do Tempo, que está situado na cidade e expõe acervo de bicicletas, scooters e motocicletas.

Com os encontros, o Ibram dá início à cooperação entre o órgão e os municípios de Goiás (antes Cidade de Goiás), Corumbá e Pirenópolis para apoio técnico no desenvolvimento de museus locais.

“Temos valorizado o patrimônio histórico goiano, que está na órbita de três grandes cidades – Brasília, Anápolis e Goiânia – e por isso pode incrementar a visitação aos museus da região, gerando recursos para as cidades históricas”, ressaltou Angelo Oswaldo.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Maria do Carmo Gouveia/divulgação

Matéria relacionada
Ibram recebe Museu das Bandeiras após reforma do Iphan

Ibram e Aliança Americana de Museus assinam Memorando de Entendimento

Memorando visa, entre outros aspectos, a promoção de cooperação na área de museus

O presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC), Angelo Oswaldo (dir.), assinou na manhã desta terça-feira (13), Memorando de Entendimento com Ford Bell, presidente da Aliança Americana de Museus (AAM), organização representante dos museus e de seus profissionais nos Estados Unidos.

O documento visa à promoção da cooperação internacional na área dos museus e o fortalecimento do setor, através do compartilhamento de padrões, características de excelência e melhores práticas, da promoção de um entendimento comum sobre questões centrais dos museus, além do desenvolvimento de ações de desenvolvimento profissional e de treinamento de pessoal. O memorando é válido por dois anos, com a possibilidade de ser renovado.

Também estavam presentes na ocasião Dean Phelus, Diretor da AAM – responsável pela área de Programas e Eventos Internacionais da instituição – e Eneida Braga Rocha, Diretora do Departamento de Difusão, Fomento e Economia dos Museus  (DDFEM/Ibram).

Nesta quarta-feira (14), o presidente do Ibram assinará o Memorando de Entendimento com a Agência Dinamarquesa para a Cultura. As atividades estão integradas à 23ª Conferência Mundial do Conselho Internacional de Museus (Icom). Saiba mais.

Texto: Ascom/Ibram

Matéria relacionada
Memória afro-brasileira foi destaque no primeiro dia da Conferência Icom no Rio

 

Ibram participou de reunião da Cooperação Ibero-Americana na Espanha

A Secretaria Geral Ibero-Americana (Segib) convocou uma reunião da Cooperação Ibero-Americana, no dia 23 de julho, em Madrid (Espanha), na qual participaram os Responsáveis de Cooperação, Programas, Iniciativas e Projetos atribuídos à Cooperação Ibero-Americana e à equipe da Segib.

Reunião aconteceu em na capital espanhola no dia 23 de julho

Uma das diretoras do Instituto Brasileiro de Museus, Eneida Braga, representou a presidência do Brasil no Comitê Intergovernamental do Programa Ibermuseus. Antía Vilela, coordenadora da Unidade Técnica do Programa no país, também esteve presente.

O encontro foi articulado em torno de quatro temas centrais, que fazem parte do trabalho de renovação da cooperação que está sendo feito este ano: Financiamento e Marco jurídico-administrativo dos Programas; Dimensão institucional e Sistema de medida de realizações e resultados. Dentre os tópicos do encontro também estava a preparação da XXIII Cúpula de Chefes de Estado e de Governo, que será realizada no Panamá, no mês de outubro.

Ao final, o encontro chegou a uma avaliação política positiva, especialmente devido à perspectiva transversal e de integração com a que operam hoje os programas. Também destacou-se a necessidade de redefinir as metas e aperfeiçoar os sistemas de gestão dos programas, com ênfase em indicadores de desempenho e em uma metodologia comum para sistematizar os resultados da cooperação. Leia mais sobre a reunião e conheça o Programa Ibermuseus.

Texto e foto: Divulgação Ibermuseus

Museus e acervos terão destaque em termo de cooperação entre MinC e GDF

O Distrito Federal será mais uma unidade da federação a integrar o Sistema Nacional de Cultura (SNC) a partir de 2013. O ato foi definido no dia 13 de dezembro, em Brasília, durante um encontro da ministra da Cultura, Marta Suplicy, com o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, no Ministério da Cultura (MinC).

Ministra em reunião com governador do DF (esq.) e equipe. Presidente do Ibram (dir.) também esteve presente

No encontro, a ministra também apresentou ao governador uma proposta de parceria permanente ente o Museu Nacional da República, gerido pelo Governo do Distrito Federal (GDF), e a instituição inglesa Victoria and Albert Museum (V&A).

Participaram da reunião o presidente do Instituto Brasileiro de Museus, José do Nascimento Junior, e o Diretor de Relações Internacionais do MinC, Antônio Alves Junior. A comitiva do GDF foi composta pelos secretários de Cultura, Hamilton Pereira, e o chefe da Casa Civil, Swedenberger Barbosa.

Parceria internacional
Segundo Marta Suplicy, a oportunidade de parceria com o Museu Nacional da República surgiu no início deste mês, durante agenda do MinC na Inglaterra. Na ocasião, a ministra foi recebida pelo diretor do V&A em Londres, que revelou o interesse do museu em desenvolver uma parceria com o Brasil.

“A ideia é trazer sem custos uma exposição que envolveria áreas de design, arquitetura, urbanismo e artesanato além de obras gregas e romanas. Seria uma grande valorização para o museu, principalmente neste período de Copa do Mundo”, projetou a ministra.

Entusiasmado com a iniciativa, o governador Agnelo Queiroz colocou o Museu da República à disposição e garantiu esforços. “Sem dúvidas é um ótimo projeto, vamos trabalhar para que ele se realize o quanto antes”, concluiu.

Aproveitando o período da Copa do Mundo em 2014, a ministra também sugeriu que o governo local promova uma exposição indígena que retrate o ritual Quarup, celebrado pelos povos da região do Xingu, no Brasil. De acordo com o governador, a mostra poderá ser feita no Memorial dos Povos Indígenas.

Para viabilizar ações como essas, já está sendo analisado pelo GDF um termo de cooperação de gestão comum entre o MinC e o governo distrital, com interveniência do Instituto Brasileiro de Museus e da Secretaria de Cultura do DF.

O presidente do Ibram, José do Nascimento Junior, enfatizou a importância dos entes federativos trabalharem em conjunto. “É importante para a capital do país que o MinC atue junto com o GDF no sentido de ampliar as dinâmicas culturais locais. Isso potencializa o setor e possibilita trazer acervos de repercussão nacional e internacional para a cidade, além de fomentar a cultura durante as copas das Confederações e do Mundo”, afirmou.

Texto e foto: Ascom/MinC
Edição: Ascom/Ibram

Conexões Ibram: assinatura de acordo marca abertura do projeto no DF

Depois de passar por outros 13 estados, mais uma edição do Projeto Conexões Ibram reuniu profissionais e gestores da área de museus do Distrito Federal (DF), nesta segunda-feira (5), no Complexo Cultural da República, em Brasília.

Com atividades programadas também para os dias 6 e 7 de novembro, o evento teve início com a assinatura de termo de Cooperação Técnica para o desenvolvimento de ações conjuntas entre o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) e a Secretaria de Cultura do Distrito Federal.

Na ocasião, o secretário de Cultura do DF, Hamilton Pereira, declarou que o momento era de reconstrução dos sistemas culturais do DF e que as iniciativas de outros estados e o diálogo com as diferentes instâncias da cultura no país contribuirão para proporcionar a avaliação, a reflexão e a formulação de políticas públicas.

Para o presidente do Ibram, José Nascimento Jr., “a intenção é estreitar os canais para que possamos consolidar as políticas públicas de uma forma pactuada e dialogada com todos os entes da federação, todos os profissionais e todas as instituições museológicas”. Leia matéria completa no blogue do projeto Conexões Ibram.

Texto: Ascom/Ibram

Matéria relacionada
Decreto dispõe sobre a criação do Sistema de Museus do Distrito Federal

 

Profissionais cubanos de museologia chegam ao Brasil para capacitação

No dia 10 de outubro, o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) inicia a segunda fase do acordo de Cooperação Técnica com o Centro Provincial de Patrimônio Cultural (CPPC) de Granma, em Cuba – assinado em fevereiro de 2010. Trate-se de intercâmbio entre dois profissionais cubanos da área de museologia social com projetos e museus brasileiros.

Os museólogos cubanos devem ficar um mês na cidade do Rio de Janeiro para conhecer o trabalho do Museu da Maré e do Museu de Favela, que desenvolvem ações em torno da museologia social, e o setor de conservação do Museu Histórico Nacional e Museu Nacional de Belas Artes – ambos ligados ao Ibram/MinC.

O objetivo do intercâmbio é capacitar os dois profissionais em conservação e criação de Pontos de Memória, a partir das experiências desenvolvidas pelo Ibram.

O acordo entre as duas instituições prevê o desenvolvimento de ações relativas à promoção da Museologia nos dois países, como intercâmbios de profissionais, estágios para estudantes, projetos de investigação comparadas, dentre outras atividades.

A cooperação entre o instituto brasileiro e o CPPC está sendo realizada com o apoio e incentivo do Programa Ibermuseus e do PRODOC dos Pontos de Memória.

Texto: Programa Ibermuseus

 

 

Ibram publica acordos de Cooperação Técnica feitos durante Conexões

O Instituto Brasileiro de Museus publicou, no dia 28 de agosto, no Diário Oficial da União (Nº 167, Seção 3, páginas 13), três extratos de acordos de Cooperação Técnica assinados com os estados visitados pelo Ibram no segundo semestre de 2012 durante eventos do projeto Conexões: Santa Catarina, Pará e Rio Grande do Sul.

O Acordo de Cooperação tem como objetivo a integração de competências e de recursos institucionais para o desenvolvimento de ações conjuntas que contribuam para o reconhecimento, o fortalecimento, a difusão, o fomento e o incentivo do setor museal de cada estado. A ênfase da cooperação está no fortalecimento do Sistema Brasileiro de Museus e do Sistema Estadual de Museus e sua articulação e também na implantação, monitoramento e avaliação do Plano Nacional Setorial de Museus e dos Planos Estaduais e Municipais de Museus, entre outros.

Com vigência de 60 meses a partir da de sua assinatura, os acordos poderão ser prorrogados por um período de 12 meses, mediante a celebração de Termo Aditivo, contanto que haja devida justificativa e não se altere do objeto do documento.

Desde março de 2012, o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) percorre os estados do país conectando os museus brasileiros às novas políticas e instrumentos de gestão museais. Oito estados participaram no primeiro semestre de 2012 e, nos próximos meses, a programação segue para mais dez estados.  O projeto Conexões Ibram segue para Rondônia, dias 18 a 20 de setembro. Saiba mais.

Instituto Brasileiro de Museus assina acordo para cooperação com Uruguai

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) recebeu, no dia 5 de junho, a visita da diretora de Relações e Projetos Internacionais do Ministério da Educação e Cultura do Uruguai, Andrea Vignolo. Ela participou de reunião com o presidente do órgão, José do Nascimento Junior, para discutir a cooperação entre Brasil e Uruguai na área de museus.

Durante o encontro, foi assinado memorando que prevê a realização de ações que atendam ao fortalecimento de museus e outras instituições do Uruguai e do Brasil vinculadas à preservação do patrimônio museológico, cultural e natural, estimulando a conservação, restauração, educação e investigação nelas centradas, assim como o acesso democrático por parte da população.

As ações incluem projetos voltados para a museografia, conservação, restauração, registro de museus e coleções; intercâmbio de especialistas, funcionários, professores e pesquisadores; formação e aperfeiçoamento de pessoal de museus; intercâmbio de informação; estudos e pesquisas; estágios, cursos, seminários, conferências e oficinas, além de publicações na área.

A visita da diretora do Ministério da Educação e Cultura do Uruguai ao Brasil que incluiu também encontros com outros setores do MinC, teve como objetivo ampliado debater a implementação da Declaração de Montevidéu, que estabelece um plano de ação dos dois países na área cultural para os próximos anos.

Texto: Ascom/Ibram

Página 2 de 3123