Exposição do Museu Imperial em Brasília pode ser vista até domingo (20)

Quem ainda não visitou a exposição O Império em Brasília: 190 anos da Assembleia Constituinte de 1823, que exibe parte do acervo do Museu Imperial/Ibram no Congresso Nacional, tem até o domingo (20) para conhecer.

A exposição apresenta peças de acervo do Museu Imperial/Ibram

A exposição apresenta peças de acervo do Museu Imperial/Ibram

Dividida em cinco módulos temáticos, a exposição traz pinturas, esculturas, objetos decorativos, armas, condecorações e manuscritos da época do Império, que abordam o período em que o Congresso elaborou a primeira Constituição do Brasil como nação soberana.

Os diferentes ambientes falam sobre a Transferência da Corte Portuguesa para a América, O Processo da Independência do Brasil, A Formação do Estado Nacional – O Papel do Legislativo, A Consolidação do Império no Brasil e Os Símbolos da Ordem Monárquica.

Gratuita e acessível a todos os públicos, a exposição está no Salão Negro do Congresso Nacional, das 9h às 17h. Saiba mais.

Texto e foto: Ascom/Ibram

Programação do Museu da República relembra Constituinte de 1988

Para marcar os 25 anos da nossa Constituição, o Museu da República vai apresentar, a partir da próxima quinta-feira, 03, uma programação especial, destinada a relembrar momentos importantes da Assembleia Nacional Constituinte de 1987/1988.

O projeto do Centro Pró-Memória da Constituinte, que existiu entre 1986/1988, registrou os trabalhos dos parlamentares e funcionou como uma ponte entre a Assembleia Nacional Constituinte e as pessoas e entidades que queriam manifestar suas opiniões e posicionamentos acerca dos mais variados temas.Foram cartas contendo sugestões, críticas, reivindicações, músicas, cartazes, cartilhas e assinaturas de propostas, compondo um acervo precioso guardado no arquivo do Museu da República.

Todo esse material foi coletado a partir do registro de opiniões colhidas em estabelecimentos prisionais, de custódia de jovens infratores e em escolas públicas, um segmento social que só conseguiu se expressar naquele momento de nossa História graças à atuação do Centro Pró-Memória da Constituinte. Conheça o que foi feito e várias das pessoas que há 27 anos iniciaram esse projeto, só agora exposto ao público.

Dia 3 de Outubro de 2013, quinta-feira
11h – Inauguração da exposição Painéis da República: a Assembleia Nacional Constituinte.
Curadoria: Marcus Vinicius Macri Rodrigues e Elizabeth Süssekind, pesquisadores do Museu da República.

14h – Palestra: A História do Centro Pró-Memória da Constituinte. Elizabeth Süssekind, que coordenou o projeto do Centro Pró-Memória da Constituinte (1985-1988).

15h – Páginas da Participação Política no Brasil. Apresentação da tese de Doutorado da pesquisadora Maria Helena Versiani, que a escreveu tendo por base a análise de cartas da população enviadas aos parlamentares constituintes, que integram o fundo documental Coleção Memória da Constituinte, arquivado no Museu da República.

Museu da República – Sala Multimídia – capacidade: 60 pessoas
Rua do Catete, 153 – Catete – Rio de Janeiro-RJ

Texto: João Motta / Ricardo Portugal – Assessoria de Imprensa do Museu da República – Ibram/MinC.