Conheça os convidados internacionais para as conferências do 7º FNM

François Mairesse abre as conferências do 7º FNM em Porto Alegre

François Mairesse abre as conferências do 7º FNM em Porto Alegre

Com o tema Recomendação Unesco: caminhos para museus e coleções, o 7º Fórum Nacional de Museus (FNM) acontece entre os dias 30 de maio e 4 de junho no Centro de Eventos da PUC-RS em Porto Alegre (RS).

Para as três conferências programadas, entre os dias 31 maio e 2 de junho, chegam convidados da França, Chile e Holanda.

O tema do FNM 2017 será abordado na conferência Recomendação Unesco 2015 para proteção e promoção dos museus e coleções no dia 31 de maio.

O conferencista é François Mairesse, professor de Museologia e Economia da Cultura da Universidade Sorbonne Nouvelle e na Escola do Louvre (França), e atual presidente do Comitê Internacional para a Museologia (Icofom/Icom).

Autor de livros na área da museologia, Mairesse foi redator do estudo preparatório sobre a importância de um novo instrumento internacional para museus, que embasou a aprovação da Recomendação Unesco 2015.

Na conferência ele vai abordar desafios, avanços e caminhos para a adoção de medidas que levem à elaboração de políticas públicas para a implementação da Recomendação – como a adesão dos países ao projeto de apoio e desenvolvimento dos museus e seus profissionais.

Cooperação e novos públicos

Alan Trampe falará sobre museus e cooperação ibero-americana

Alan Trampe falará sobre museus e cooperação ibero-americana

Já no dia 1º de junho, os avanços alcançados pelos museus Ibero-americanos na última década será o mote da conferência Valorização dos museus por meio da cooperação internacional: 10 anos da Declaração de Salvador.

Alan Trampe, desde o ano 2000 subdiretor Nacional de Museus da Diretoria de Bibliotecas, Arquivos e Museus do Chile, será o conferencista da noite.

O foco da comunicação será as possibilidades de desenvolvimento do campo por meio da articulação entre instituições públicas e privadas, bem como o intercâmbio de experiências, práticas e do conhecimento produzido no âmbito do Programa Ibermuseus.

A última conferência do 7º Fórum Nacional de Museus, no dia 2 de junho, traz Jill Cousins, diretora executiva da Fundação Europeana – que é responsável por integrar coleções digitais de 180 instituições de 27 países da Europa, entre museus, arquivos, bibliotecas e cinematecas.

Jill Cousins aborda aspectos das relações em rede

Jill Cousins aborda aspectos das relações em rede

Sob o tema Museus no século 21: comunicação e formação de novos públicos, Cousins dará destaque para as políticas de comunicação de museus, capazes de contribuir, de forma participativa, para a integração, o acesso e a inclusão social.

A participação nas atividades do FNM é gratuita mediante inscrição. O formulário está disponível online até 26 de maio. Confira as atividades programadas para o 7º FNM.

O Fórum Nacional de Museus é organizado pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) – autarquia vinculada ao Ministério da Cultura (MinC).

Mais informações podem ser obtidas pelo endereço eletrônico forumnacionaldemuseus@museus.gov.br.

Texto: Ascom/Ibram
Fotos: Arquivos pessoais/Divulgação

Ao vivo: conferências do Fórum Nacional de Museus 2014

Durante o 6º Fórum Nacional de Museus (FNM), em Belém (PA), as três conferências que acontecem entre os dias 24 e 26 de novembro terão transmissão pela internet. Acesse o canal para acompanhar em tempo real.

As experiências e práticas inovadoras nos museus serão tema da conferência de abertura, programada para começar após a abertura oficial do FNM 2014, que contará com a presença da ministra da Cultura, Ana Cristina Wanzeler, neste dia 24.

Os conferencistas serão o presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), Angelo Oswaldo, e o secretário de Economia Criativa do Ministério da Cultura (MinC), Marcos André Rodrigues de Carvalho, que abordam os desafios impostos aos museus na sociedade contemporânea, como a imersão dos museus em um contexto de rápidas transformações tecnológicas, sociais e culturais.

No dia 25, a partir das 17h, o tema da conferência é Cooperação e Criatividade, e traz uma proposta de museus como espaços de apropriação e de produção de processos criativos e coletivos. A coordenadora do programa também discorrerá, por exemplo, sobre os museus como agentes mobilizadores de cooperação entre o local e o global. O escritor, poeta e professor de Museologia da Universidade Federal do Pará (UFPA), João de Jesus Paes Loureiro é o mediador.

Já no dia 26, também às 17h, acontece a última conferência do evento, que terá como tema Museus vivem de futuro?, ministrada pela coordenadora do projeto Quartier21, dos Museus Quartier, localizados em Viena (Áustria), Ulrike Fallmann. O moderador é José Augusto de Paula Pinto, diretor e curador do Museu dos Quilombos e Favelas Urbanos (Muquifu) em Minas Gerais.

6º Fórum Nacional de Museus começa dia 24 em Belém: confira os destaques

Peça gráfica para o Fórum Nacional de Museus 2014

Peça gráfica para o Fórum Nacional de Museus 2014

Entre os dias 24 e 28 de novembro, o Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, na cidade de Belém (PA), recebe centenas de participantes de todo o país para a 6ª edição do Fórum Nacional de Museus (FNM), que tem como tema Museus Criativos.

O FNM é realizado a cada dois anos pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram). Nesta sexta edição conta com a parceria na realização da Secretaria de Economia Criativa (SEC) do Ministério da Cultura (MinC).

Conferências, painéis, minicursos, grupos de trabalho, apresentação de pesquisas, estudos de caso, reuniões paralelas, além de atividades culturais compõem a grade de atividades do 6º FNM. Confira a programação completa.

A edição 2014 traz ainda três destaques em sua programação: a realização da IV Teia da Memória, encontro nacional de Pontos de Memória e iniciativas de memória e museologia social, o Encontro do Programa Nacional de Educação Museal (PNEM) e a revisão do Plano Nacional Setorial de Museus (PNSM).

Nos dois primeiros dias (24 e 25) acontecem seis minicursos, todos tratando de temas relevantes para o setor de museus e ministrados por servidores do Ibram. Conheça quais são e quem ministra.

Conferências
De 24 a 26 estão programadas três conferências no 6º FNM. A primeira, na noite de abertura (24), chama-se Museus Criativos: experiências e práticas inovadoras nos museus, tendo como conferencistas Marcos André Rodrigues de Carvalho, secretário de Economia Criativa do MinC, e Angelo Oswaldo, presidente do Ibram. Convidados internacionais compõem as demais mesas.

A austríaca Ulrike Fallmann é uma das conferencistas

A austríaca Ulrike Fallmann é uma das conferencistas

Entre os dias 25 e 27, seis painéis sobre assuntos que dialogam com o tema Museus Criativos estão programados. Inovação, sustentabilidade e gestão de museus são alguns dos temas propostos: Saiba quais são os painéis.

Experiências regionais
A cada abertura de conferência ou de painel do FNM, haverá também, durante 15 a 30 minutos, a apresentação de casos da região Norte do país, que evidenciem boas práticas e experiências regionais envolvendo temas de interesse do setor. A iniciativa visa valorizar diversidade de ações da região que, pela primeira vez, recebe o Fórum Nacional de Museus.

Reuniões temáticas
Incorporadas à programação, entre os dias 24 e 26, acontecem dez reuniões temáticas voltadas para áreas específicas do setor de museus: Rede de Educadores em Museus, Comitê Gestor do Sistema Brasileiro de Museus, Sistemas de Museus, Conselho Consultivo do Patrimônio Museológico do Ibram, museus da Região Norte, Rede de Museus e Acervos de Arqueologia e Etnologia, Conselho Federal de Museologia, Conselho Internacional de Museus (Icom) Brasil, Comitê de Gestão do Ibram e diretores de museus Ibram.

Comunicações Coordenadas
49 trabalhos foram selecionados para apresentação durante o 6º Fórum Nacional de Museus. Resumos de pesquisas, relatos de experiência, em desenvolvimento ou já finalizadas, acadêmicos ou não, foram inscritos nas modalidades Apresentação Oral e Pôsteres. Veja os selecionados.

Encontros
Este ano será a primeira vez que a Teia da Memória integrará oficialmente a programação do Fórum Nacional de Museus. Em sua quarta edição, o encontro, dedicado às discussões relativas ao Programa Pontos de Memória, às iniciativas de memória e à museologia social, tem como objetivo proporcionar o intercâmbio, a reflexão e o debate acerca dos processos comunitários de memória que vêm se desenvolvendo no país. A programação está disponível para consulta.

Um dos manuais do Ibram que serão lançados em Belém

Um dos manuais produzidos pelo Ibram que será lançado em Belém

Já o Encontro do Programa Nacional de Educação Museal (PNEM), no dia 24 e 25, promoverá a síntese dos encontros regionais ocorridos ao longo de 2014 e a discussão dos encaminhamentos futuros do programa.

Será uma oportunidade de reunir os coordenadores dos Eixos Temáticos do PNEM, os representantes das Redes de Educadores de Museus, articuladores do programa e demais interessados em colaborar com as diretrizes que nortearão o campo de educação em museus no Brasil.

Revisão PNSM
O Plano Nacional Setorial de Museus (PNSM), conjunto de diretrizes que orientam o setor museal brasileiro, sendo resultado de ampla discussão durante o 4º FNM (2010), será revisado durante o Fórum 2014. Para tanto, foi elaborada uma metodologia de revisão e criados oito Grupos de Trabalho (GTs) que serão responsáveis pela sua aplicação. O resultado será apresentado na Plenária Final no dia 27 de novembro.

Eleição CNPC
Durante o 6º FNM haverá eleição para a formação de lista tríplice para escolha de titular e membro do setor de museus e memória para compor o plenário do Conselho Nacional de Políticas Culturais (CNPC).

Programação cultural
A 6ª edição do FNM contará com o lançamento de campanhas, projetos e diversas publicações de interesse para o setor de museus: saiba quais serão as novidades apresentadas pelo Ibram.

Salomão Habib apresenta-se na abertura oficial do 6º FNM

Salomão Habib apresenta-se na abertura oficial do 6º FNM

Na noite de abertura do evento (24), o violonista Salomão Habib faz uma apresentação especial. Nos outros dias, as culturas populares terão destaque com a apresentação da dança indígena Toré, os tambores do Coletivo Casa Preta e o tradicional ritmo do Pará – o carimbó, recentemente reconhecido pelo Ministério da Cultura como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil.

Também haverá a performance do artista Rafael Bandeira e a apresentação Lítero-Musical Memórias do Pompéu do grupo Abrapalavra.

No último dia do evento (28), após a Plenária Final do FNM, os participantes  visitam museus e instituições de memória de Belém. Há ainda uma mostra de artesanato local, com curadoria de Emanuel Franco, exposições e exibições de vídeos, e a presença de estandes institucionais e comerciais.

Detalhes da programação do Fórum Nacional de Museus 2014 está disponível no blogue fnm.museus.gov.br.

Texto: Ascom/Ibram
Imagens: Divulgação

Começam a inscrições para o 6º Fórum Nacional de Museus no Pará

Estão abertas, até 19 de novembro, as inscrições para 6º Fórum Nacional de Museus, que acontece em Belém (PA) entre os dias 24 e 28 de novembro. O evento bianual, cujo tema em 2014 será Museus Criativos, oferece um conjunto diversificado de atividades, algumas abertas a todos os inscritos e outras específicas.

Peça gráfica para o Fórum Nacional de Museus 2014

Peça gráfica para o Fórum Nacional de Museus 2014

A inscrição para o Fórum Nacional de Museus 2014  é gratuita, sendo apenas necessário entregar, no credenciamento, 1 kg de alimento não perecível.

Painéis, conferências e comunicações coordenadas são abertas a todos os interessados. Para participar, basta fazer a inscrição geral no 6º FNM.

Já minicursos, o Encontro do Programa Nacional de Educação Museal (PNEM) e  a IV Teia da Memória, que reunirá os Pontos de Memória brasileiros, são atividades específicas.

Para participar delas, é obrigatória a inscrição prévia, disponível no mesmo formulário, tendo em vista que as vagas são limitadas e algumas atividades ocorrem simultaneamente.

As inscrições para Grupos de Trabalhos deverão ser realizadas exclusivamente no local do evento. Confira a programação completa.

Em caso de dúvidas ou outras questões, escreva para fnm@museus.gov.br ou faça contato pelos telefones (61) 3521.4112/4113. Saiba mais.

Deslocamento
Parceira do 6º Fórum Nacional de Museus, a empresa TAM Linhas Aéreas oferece aos participantes descontos em passagens aéreas e pacotes (passagem e hospedagem) para Belém com datas próximas ao evento.

Para informações detalhadas, faça contato com Livia Ochi (TAM Viagens) em São Paulo pelos telefones (14) 3401.2500/2511 ou (14) 98104.0632 ou pelo endereço eletrônico livia.ochi@agentetamviagens.com.br.

Hospedagem
Vários hotéis na cidade de Belém oferecem descontos para hospedagem de participantes do 6º Fórum Nacional de Museus. Veja quais são. Faça contato diretamente para mais informações. Não há por parte do Ibram nenhum intermédio de negociação ou reserva junto aos hotéis, sendo responsabilidade do participante a logística de hospedagem (reservas e formas de pagamento). Acesse o blogue do 6º Fórum Nacional de Museus.

Texto: Ascom/Ibram
Última atualização: 3.11.2014

Matéria relacionada
Ibram divulga a programação do 6º Fórum Nacional de Museus em Belém

Ibram divulga a programação do 6º Fórum Nacional de Museus em Belém

A Comissão Organizadora do  6º Fórum Nacional de Museus (FNM), cujo tema em 2014 será Museus Criativos, divulgou hoje (21) a programação geral do evento, que acontece em Belém (PA) entre os dias 24 e 28 de novembro.

Painéis, grupos de trabalho, minicursos, comunicações coordenadas, reuniões setoriais, conferências e programação cultural compõem a grade de atividades durante os cinco dias do evento bianual, que congrega os diversos entes do setor museal brasileiro. Confira a programação na íntegra.

Interior do Museu do Estado do Pará, localizado em Belém

Museu do Estado do Pará: participantes do FNM poderão conhecer museus de Belém

No dia (24), começam os encontros de Pontos de Memória, a Teia da Memória, e do Programa Nacional de Educação Museal (PNEM), assim como os seis minicursos abertos aos participantes. A conferência de abertura será a noite com o tema Museus criativos: experiências e práticas inovadoras nos museus.

PNSM e painéis
No dia 25, além dos encontros iniciados no dia anterior, têm início os painéis e as comunicações coordenadas, nas modalidades Apresentação Oral e Pôsteres. A conferência do dia traz como tema Cooperação e criatividade.

No dia 26 começam os Grupos de Trabalho (GTs) que tratam da revisão do Plano Nacional Setorial de Museus (PNSM), que seguem até o dia 28, e a conferência do dia tem como tema Museus vivem de futuro? .

No penúltimo dia de atividades (27), estão programadas as últimas apresentações de comunicações coordenadas, assim como de painéis, e o FNM abre-se para uma programação cultural com o objetivo de aproximar os participantes oriundos de todas as regiões do país. No último dia (28) acontece a Plenária Final dos GTs e a tarde será dedicada a visitas aos museus da cidade de Belém.

Ao longo de todo o 6º Fórum Nacional de Museus estão previstas nove reuniões setoriais, abrangendo diversas vertentes do campo museal: Rede de Educadores de Museus, Conselho Federal de Museologia, sistemas de museus, Conselho Consultivo do Patrimônio Museológico do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) entre outras.

As inscrições para os participantes estarão disponíveis nos próximos dias na página do Ibram, assim como o resultado dos selecionados para apresentação de trabalhos. Outras questões sobre o FNM 2014 devem ser enviadas para o endereço eletrônico fnm@museus.gov.br.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Internet/divulgação

Matérias relacionadas
Museus de Belém vão integrar programação do 6º FNM em novembro
6º FNM: tema dá sequência a debate sobre museus e comunidades

Teórico da museologia social, Hugues de Varine confirma presença no 5º FNM

Considerado uma das principais referências internacionais em atividade na área da Museologia, o escritor francês Hugues de Varine tem participação confirmada no 5º Fórum Nacional de Museus (FNM), que acontece de 19 a 23 de novembro, no SESC Quitandinha, em Petrópolis (RJ).

O 5º Fórum Nacional de Museus contará com mais duas conferências, além de oito minicursos, oito painéis e apresentação dos trabalhos inscritos para as comunicações coordenadas. Veja a programação completa.

Nova museologia
Varine, que é especialista em patrimônio e desenvolvimento local, e atua como consultor em vários países, vai proferir, no último dia do evento (23), conferência sobre o tema central do 5º FNM: os 40 anos da Mesa de Santiago do Chile – tema também do 6º Encontro Ibero-Americano de Museus, que acontece esta semana no Uruguai.

Formado pela Universidade de Paris, com pós-graduação em História e Arqueologia, Hugues de Varine foi diretor do Conselho Internacional de Museus (ICOM) e despontou como um dos principais teóricos da chamada “Nova Museologia”, que deu outra dimensão à função social dos museus, dando o tom da Mesa de Santiago em 1972.

Criador do conceito de “Ecomuseu”, Varine é autor de A cultura dos outros (1976); A iniciativa comunitária (1992); Cidade, cultura e desenvolvimento (1995); e As raízes do futuro (2002). Para o lançamento da edição brasileira deste último, esteve no Brasil em junho deste ano.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Divulgação