Passaporte dos Museus Cariocas: saiba mais!

O que é o Passaporte?
O Passaporte dos Museus Cariocas nasce de uma parceria do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) com o Comitê Rio450, da Prefeitura do Rio de Janeiro, em comemoração aos 450 anos da cidade – celebrados no dia 1º de março de 2015.

Ao longo de 2015, o Passaporte dos Museus Cariocas dará direito a uma entrada gratuita em cada um dos 46 museus e centros culturais participantes. O passaporte lista quais museus da cidade e interior do Rio dão gratuidade em cada dia da semana. Basta escolher para qual museu deseja ‘viajar’ e apresentá-lo na bilheteria para ter sua entrada garantida e registrada com um carimbo.

Quanto custa o Passaporte dos Museus Cariocas?
Nada: sua viagem pelos museus participantes é gratuita.

É preciso ser carioca ou fluminense para utilizar o Passaporte dos Museus Cariocas?
Não. Qualquer pessoa pode retirar seu passaporte nos pontos de distribuição.

Onde retirar o passaporte?
São sete os pontos de distribuição:

Centro Cultural Banco do Brasil
Rua Primeiro de março, 66 – Centro – Rio de Janeiro
http://culturabancodobrasil.com.br/portal/rio-de-janeiro/

Museu Aeroespacial
Av. Marechal Fontenelle, 2000 – Sucalap – Rio de janeiro
http://www.musal.aer.mil.br/

Museu da República
Rua do Catete, 153 – Catete – Rio de Janeiro
http://museudarepublica.museus.gov.br/

Museu de Arte do Rio
Praça Mauá, 5 – Centro – Rio de Janeiro
http://www.museudeartedorio.org.br/

Museu Nacional de Belas Artes
Av. Rio Branco, 199 – Centro – Rio de Janeiro
http://mnba.gov.br/portal/

Sítio Roberto Burle Marx
Estrada Roberto Burle Marx, 2.019 – Barra de Guaratiba
Tel.: (21) 2410-1412
www.sitioburlemarx.blogspot.com.br

Museu Imperial
Rua da Imperatriz, 220 – Centro – Petrópolis, RJ
Telefones: (24) 2233-0300 / (24) 2233-0360
www.museuimperial.gov.br

Posso retirar o Passaporte dos Museus Cariocas para outras pessoas?
Não.

Devo me identificar com algum documento para usar o Passaporte dos Museus Cariocas?
Não. Ele possui uma folha de identificação na qual são inseridos nome e identidade (RG no caso de brasileiros ou outro documento no caso de estrangeiros), a fim de personalizar o documento, e e-mail, que é um contato para o caso de perda do documento.  No entanto, não é necessária a posse de documento.

É necessário fazer algum tipo de cadastro para receber o Passaporte dos Museus Cariocas?
Não. O Passaporte pode ser retirado em seus sete pontos de distribuição sem necessidade de cadastro.

Qual é a validade do meu Passaporte dos Museus cariocas?
O Passaporte tem validade até 31 de dezembro de 2015.

Posso usar mais de uma vez o Passaporte para visitar o mesmo museu?
Não. O Passaporte dos Museus Cariocas garante uma gratuidade, registrada pelo carimbo, em cada uma das 46 instituições participantes.

Veja a lista de instituições segundo dia da semana de gratuidade e boa viagem!

* Sugerimos que os visitantes entrem em contato com as instituições para confirmar horário de funcionamento e evitar transtornos durante o passeio. 

Domingo

Caixa Cultural
Casa Daros
Casa França-Brasil
Centro Cultural Banco Do Brasil
Centro Cultural Correios
Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho (Castelinho Do Flamengo)
Centro Cultural Municipal Parque Das Ruínas
Fundação Eva Klabin
Memorial Municipal Getúlio Vargas
Museu Aeroespacial
Museu Casa da Hera
Museu Casa de Benjamin Constant
Museu Casa de Rui Barbosa
Museu da Chácara do Céu
Museu da República
Museu de Arte do Rio
Museu de Astronomia e Ciências Afins
Museu de Ciências da Terra
Museu de Folclore Edison Carneiro
Museu do Índio
Museu do Meio Ambiente
Museu Histórico da Fortaleza de São João
Museu Histórico Nacional
Museu Nacional de Belas Artes
Museu Naval
Paço Imperial
Palácio Tiradentes

Segunda

Arquivo Nacional
Biblioteca Nacional
Casa do Patrimônio Ferroviário do Rio De Janeiro (Antigo Museu do Trem)
Centro Cultural Banco do Brasil
Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica
Museu Bispo do Rosário de Arte Contemporânea
Museu Casa da Hera
Museu da Chácara do Céu
Museu da Justiça do Estado do Rio De Janeiro
Museu de Imagens do Inconsciente
Museu Villa-Lobos
Palácio Tiradentes

Terça

Arquivo Nacional
Biblioteca Nacional
Caixa Cultural
Casa do Patrimônio Ferroviário do Rio De Janeiro (Antigo Museu do Trem)
Casa França-Brasil
Centro Cultural Correios
Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho (Castelinho do Flamengo)
Centro Cultural Municipal Parque Das Ruínas
Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica
Memorial Municipal Getúlio Vargas
Museu Aeroespacial
Museu Bispo do Rosário de Arte Contemporânea
Museu Casa da Hera
Museu Casa do Pontal
Museu da Justiça do Estado do Rio De Janeiro
Museu da Maré
Museu da República
Museu da Vida
Museu de Astronomia e Ciências Afins
Museu de Ciências da Terra
Museu de Folclore Edison Carneiro
Museu do Índio
Museu do Meio Ambiente
Museu Histórico da Fortaleza de São João
Museu Histórico do Exército e Forte de Copacabana
Museu de Imagens do Inconsciente
Museu Naval
Museu Villa-Lobos
Paço Imperial
Palácio Tiradentes

Quarta

Arquivo Nacional
Biblioteca Nacional
Caixa Cultural
Casa Daros
Casa do Patrimônio Ferroviário do Rio De Janeiro (Antigo Museu do Trem)
Casa França-Brasil
Centro Cultural Banco do Brasil
Centro Cultural Correios
Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho (Castelinho do Flamengo)
Centro Cultural Municipal Parque Das Ruínas
Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica
Fundação Eva Klabin
Memorial Municipal Getúlio Vargas
Museu Aeroespacial
Museu Bispo do Rosário de Arte Contemporânea
Museu Casa da Hera
Museu da Chácara Do Céu
Museu da Justiça do Estado do Rio De Janeiro
Museu da Maré
Museu da República
Museu da Vida
Museu de Arte Moderna do Rio De Janeiro
Museu de Astronomia e Ciências Afins
Museu de Ciências da Terra
Museu de Favela
Museu de Folclore Edison Carneiro
Museu do Açude
Museu do Índio
Museu do Meio Ambiente
Museu Histórico da Fortaleza de São João
Museu de Imagens do Inconsciente
Museu Imperial
Museu Militar Conde De Linhares
Museu Naval
Museu Villa-Lobos
Paço Imperial
Palácio Tiradentes

Quinta

Arquivo Nacional
Biblioteca Nacional
Caixa Cultural
Casa Daros
Casa do Patrimônio Ferroviário do Rio De Janeiro (Antigo Museu do Trem)
Casa França-Brasil
Centro Cultural Banco do Brasil
Centro Cultural Correios
Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho (Castelinho do Flamengo)
Centro Cultural Municipal Parque Das Ruínas
Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica
Memorial Municipal Getúlio Vargas
Museu Aeroespacial
Museu Bispo do Rosário de Arte Contemporânea
Museu Casa da Hera
Museu da Chácara do Céu
Museu da Justiça do Estado do Rio de Janeiro
Museu da Maré
Museu da República
Museu da Vida
Museu de Astronomia E Ciências Afins
Museu de Ciências Da Terra
Museu de Folclore Edison Carneiro
Museu do Índio
Museu do Meio Ambiente
Museu Histórico da Fortaleza de São João
Museu de Imagens do Inconsciente
Museu Nacional
Museu Naval
Museu Villa-Lobos
Paço Imperial
Palácio Tiradentes
Sítio Roberto Burle Marx

Sexta

Arquivo Nacional
Biblioteca Nacional
Caixa Cultural
Casa Daros
Casa do Patrimônio Ferroviário do Rio de Janeiro (Antigo Museu do Trem)
Casa França-Brasil
Centro Cultural Banco Do Brasil
Centro Cultural Correios
Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho (Castelinho do Flamengo)
Centro Cultural Municipal Parque Das Ruínas
Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica
Memorial Municipal Getúlio Vargas
Museu Aeroespacial
Museu Bispo do Rosário de Arte Contemporânea
Museu Casa da Hera
Museu da Chácara do Céu
Museu da Justiça do Estado do Rio de Janeiro
Museu da Maré
Museu da República
Museu da Vida
Museu de Astronomia e Ciências Afins
Museu de Ciências da Terra
Museu de Folclore Edison Carneiro
Museu do Índio
Museu do Meio Ambiente
Museu Histórico da Fortaleza de São João
Museu de Imagens do Inconsciente
Museu Naval
Museu Villa-Lobos
Paço Imperial
Palácio Tiradentes

Sábado

Biblioteca Nacional
Caixa Cultural
Casa Daros
Casa França-Brasil
Centro Cultural Banco do Brasil
Centro Cultural Correios
Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho (Castelinho do Flamengo)
Centro Cultural Municipal Parque das Ruínas
Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica
Memorial Municipal Getúlio Vargas
Museu Aeroespacial
Museu Casa da Hera
Museu da Chácara do Céu
Museu da Maré
Museu da República
Museu da Vida
Museu de Astronomia e Ciências Afins
Museu de Ciências da Terra
Museu de Folclore Edison Carneiro
Museu do Índio
Museu do Meio Ambiente
Museu Histórico da Fortaleza de São João
Museu Naval
Paço Imperial
Palácio Tiradentes

Rio 450 anos: Ibram apoiará comitê na mobilização de museus cariocas

O presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC), Angelo Oswaldo, participou hoje (27), de reunião com o Comitê Rio 450, responsável por organizar as comemorações pelos 450 anos de fundação da cidade do Rio de Janeiro – data a ser celebrada oficialmente em 1º de março de 2015.

Ministra da Cultura no lançamento do Comitê Rio 450 em dezembro de 2013

Ministra da Cultura, Marta Suplicy, no lançamento do Comitê Rio 450 em dezembro de 2013

O principal assunto do encontro com o presidente do Comitê, Marcelo Calero, foi a parceria com o instituto para a mobilização dos museus cariocas, com destaque para os sete museus Ibram na cidade, com o objetivo de se integrarem ao calendário de atividades, que tem início em 31 de dezembro de 2014 e encerra-se em 1º de março de 2016.

A proposta é que os museus realizem, por exemplo, exposições alusivas à cidade, envolvendo seus setores educativos e a comunidade carioca.

Participaram ainda da reunião Mariana Varzea, superintendente de Museus da Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro, e Vera Mangas, coordenadora do Patrimônio Museológico do Ibram. “O evento tem um papel relevante para a difusão dos valores cariocas e acontece em um momento importante para a cidade, que sediará os Jogos Olímpicos em 2016″, diz Angelo Oswaldo.

400 anos: logomarca criada por Magalhães em 1965

“Cidade em transe”
Em 1965, para os festejos dos 400 anos da cidade – fundada por Estácio de Sá em 1565 – as atividades se espalharam ao longo daquele ano sob o tema “cidade em transe”, pois uma “série de intervenções de infraestrutura estava mudando a paisagem” da ex-capital federal, segundo informa a página do Comitê Rio450.

Obras referenciais sobre a história do Rio foram publicadas, o carnaval de 1965 tinha como principal mote o quarto centenário da cidade e a Filarmônica de Viena apresentou-se para um Maracanãzinho lotado. Houve até concurso para escolher a Miss IV Centenário.

Aloísio Magalhães, um dos pioneiros do moderno design gráfico no país, foi responsável pela logomarca do evento, que apresentava o número quatro rotacionado como “síntese gráfica do entusiasmo e do orgulho dos cariocas”.

Para as comemorações do próximo ano, um concurso para escolha da logomarca também foi lançado e está em fase de seleção. Atualmente, o público pode votar nas melhores ideias para os 450 anos do Rio. Saiba mais.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Comitê Rio 450/divulgação