Ibram convoca candidatos a gestão em Preservação e Segurança para entrevista

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) convocou nesta segunda-feira (14), por meio de divulgação no Diário Oficial da União, os candidatos habilitados à próxima fase do processo de seleção relativo ao Chamamento Público nº 6, de 3 de outubro de 2016, que se constituirá de entrevista oral.

O Chamamento Público nº 6 é destinado a selecionar candidatos para ocupar os cargos comissionados de coordenador de Preservação e Segurança e chefe de Divisão de Preservação e Segurança, vinculados ao Departamento de Processos Museais (DPMUS) do Ibram, em Brasília (DF).

A convocação para entrevista oral  contempla três candidatos ao cargo de coordenador de Preservação e Segurança e dois candidatos ao cargo de chefe de Divisão de Preservação e Segurança. Conforme previsto pelo edital, eles foram classificados à etapa de entrevista oral, de caráter eliminatório, após análise de currículo, de caráter classificatório e eliminatório.

Os documentos exigidos para o certame na primeira etapa foram avaliados por Comissão de Seleção. Na etapa de entrevista oral, que será presencial, serão avaliados critérios como conhecimento da área de museus e da área de preservação e conservação, entre outros.

Transmissão de cargo de ministro da Cultura acontece na segunda (12)

A ministra interina da Cultura, Ana Cristina Wanzeler, passa a gestão do Ministério da Cultura (MinC) para Juca Ferreira nesta segunda (12), em cerimônia aberta ao público no Teatro Plínio Marcos (Complexo Cultural da Funarte), a partir das 10h30. O evento tem transmissão ao vivo via internet pela página do MinC.

Wanzeler ocupou o cargo por quase dois meses após a saída de Marta Suplicy, que reassumiu sua cadeira no Senado Federal. Juca Ferreira tomou posse no dia 1º de janeiro, durante cerimônia no Palácio do Planalto, na qual a presidenta reeleita, Dilma Rousseff, empossou outros 38 titulares de ministérios.

Ferreira ocupou, nos últimos dois anos, o cargo de secretário municipal de Cultura de São Paulo. Antes, havia sido ministro da Cultura, de julho de 2008 a dezembro de 2010, no segundo mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Presidência do Ibram
O escritor, curador, jornalista, advogado e gestor público Angelo Oswaldo, que presidia o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) desde julho de 2013, deixou o cargo para assumir a Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais, após convite do novo governador do Estado, Fernando Pimentel.

O então Assessor especial do Ibram Emerson José de Almeida Santos ocupa a presidência do órgão interinamente até a escolha de novo nome para o cargo.

Texto: Ascom/Ibram

Museu de Astronomia e Ciências Afins prorroga seleção de candidatos à direção

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) prorrogou o prazo do processo de seleção de diretor para o Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST), unidade de pesquisa com sede no Rio de Janeiro. Os interessados podem se inscrever até 2 de abril.

Um comitê de seleção foi nomeado pelo ministro Marco Antonio Raupp.  A seleção, que dá origem a uma lista tríplice encaminhada ao titular da pasta federal, é realizada por comitês de especialistas. Esse sistema de escolha de dirigentes vem sendo praticado pelo MCTI para os cargos de direção de todas as unidades.

O comitê para o MAST é presidido pela professora Márcia Regina Barros da Silva, da Universidade de São Paulo (USP) e tem como membros os docentes Lea Maria Strini Velho, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Ivan da Costa Marques, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o diretor do Museu da Amazônia (Musa), Ennio Candotti, e o pesquisador Márcio Ferreira Rangel, do MAST.

Podem se candidatar ao cargo quaisquer pesquisadores ou tecnologistas brasileiros ou naturalizados que atendam aos requisitos listados no site do museu.

 

Ibram nomeia mais candidatos aprovados em concurso público

Foram publicadas no Diário Oficial da União (DOU) de 28/11, as Portarias Nº 329 e 330.

As Portarias nomeiam, em caráter efetivo, os candidatos aprovados no Concurso Público para Provimento de Cargos Efetivos do Plano Especial de Cargos da Cultura do Quadro de Pessoal do Instituto Brasileiro de Museus.

Conforme a legislação do servidor público federal, os candidatos terão 30 dias, contados a partir da data da nomeação, para tomar posse e até 15 dias para entrar em exercício. Os nomeados deverão apresentar, no ato da posse, todos os documentos que constam na Portaria nº 13, publicada no D.O.U. em 30/07/2010.

Em casos de desistência da posse, será necessário preencher o Termo de Desistência, que deverá ser enviado ao Ibram junto com a cópia do documento de identidade. Veja aqui todas as informações sobre o concurso público 2010.