Seminário em Brasília discutiu o papel das comunidades e patrimônios

unb edijpgAconteceu na última semana, o Seminário Comunidades e Patrimônios: dos ecomuseus ao patrimônio cultural imaterial, ministrado pela professora francesa Claudie Voisenat. O evento, que reuniu cera de 100 estudantes e profissionais do setor, faz parte do acordo de cooperação entre o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) e a Escola do Louvre (França).

Claudie Voisenat é professora de antropologia do patrimônio na Escola do Louvre e dá formação aos estudantes do bacharelato de Etnologia do Patrimônio Imaterial da Universidade de Toulouse. Para ela, essa iniciativa “é muito importante, por que nos dias de hoje eu vejo que, na França, por exemplo, não podemos mais pensar em conceitos como patrimônio ou cultura fora de um contexto global. Hoje, o relacionamento entre profissionais de diferentes países é mais importante que nunca”.

O seminário tratou do aspecto da inversão do processo de fabricação do patrimônio, quando a atribuição de valor cultural, e não mais estritamente histórico ou artístico, deixou de depender somente do Estado, assentando cada vez mais nos saberes das próprias comunidades.

Para Voisenat “já existem instituições importantes, como a Unesco por exemplo, mas se não queremos apenas depender delas precisamos trabalhar juntos e encontrar nossas próprias formas de agir e pensar conjuntamente, dentro da Unesco inclusive, mas de uma forma autônoma. Nesse contexto, os contatos entre profissionais são muito importantes, e o intercâmbio entre estudantes também. Aprender e refletir com eles também é uma forma de prepará-los (para os desafios profissionais), finalizou.

 Cooperação

A parceria entre Ibram e Escola do Louvre existe desde 2013 e já levou nove estudantes brasileiros para participar do Seminário Internacional de Verão de Museologia e estagiar em museus franceses, e três profissionais para realizar seminários, além de promover a vinda ao Brasil de estudantes para estágios e profissionais franceses para ministrar cursos no Brasil. Saiba mais.

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days