Profissionais cubanos de museologia chegam ao Brasil para capacitação

No dia 10 de outubro, o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) inicia a segunda fase do acordo de Cooperação Técnica com o Centro Provincial de Patrimônio Cultural (CPPC) de Granma, em Cuba – assinado em fevereiro de 2010. Trate-se de intercâmbio entre dois profissionais cubanos da área de museologia social com projetos e museus brasileiros.

Os museólogos cubanos devem ficar um mês na cidade do Rio de Janeiro para conhecer o trabalho do Museu da Maré e do Museu de Favela, que desenvolvem ações em torno da museologia social, e o setor de conservação do Museu Histórico Nacional e Museu Nacional de Belas Artes – ambos ligados ao Ibram/MinC.

O objetivo do intercâmbio é capacitar os dois profissionais em conservação e criação de Pontos de Memória, a partir das experiências desenvolvidas pelo Ibram.

O acordo entre as duas instituições prevê o desenvolvimento de ações relativas à promoção da Museologia nos dois países, como intercâmbios de profissionais, estágios para estudantes, projetos de investigação comparadas, dentre outras atividades.

A cooperação entre o instituto brasileiro e o CPPC está sendo realizada com o apoio e incentivo do Programa Ibermuseus e do PRODOC dos Pontos de Memória.

Texto: Programa Ibermuseus

 

 

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days