Presidente do Ibram vai debater no Rio decreto que protege coleções

O presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC), Angelo Oswaldo, estará nesta sexta-feira (13), às 14h30, no Museu da República/Ibram, no Rio de Janeiro (RJ), com o objetivo de discutir e esclarecer dúvidas sobre o recém aprovado Decreto 8.124/2013, que regulamenta o Estatuto de Museus.

O encontro que vai acontecer no auditório do museu, no bairro do Catete, é o segundo que o órgão promove para tratar do assunto e deve reunir especialmente colecionadores, diretores de museus e outros representantes do setor.

Museu da República (RJ)

Encontro acontece no Museu da República (RJ)

No dia 29 de novembro, Angelo Oswaldo esteve em São Paulo (SP) com um grupo de artistas, galeristas e colecionadores para esclarecer sobre pontos do decreto que têm despertado dúvidas, especialmente o que trata da Declaração de Interesse Público.

“A declaração de interesse público visa preservar a memória de acervos e de bens, sem afetar sua comercialização e localização. O objetivo é proteger o patrimônio cultural, integrado ou não aos museus”, explica o presidente do Ibram, que solicitou ao grupo a construção de um documento com as principais dúvidas em relação ao decreto. Saiba mais.

Para o diretor do instituto Itaú Cultural, Eduardo Saron, que participou do encontro e será responsável por formatar o documento, a reunião foi muito produtiva. “Conseguimos nos entender e abrir um importante canal de diálogo com o governo”, disse. Para outras informações escreva para faleconosco@museus.gov.br.

Texto e foto: Ascom/Ibram

Publicado em

2 comentários para “Presidente do Ibram vai debater no Rio decreto que protege coleções

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days