Pontos de Memória de Maceió e Belo Horizonte fazem suas primeiras exposições

Os Pontos de Memória Museu Cultura Periférica, na comunidade do Jacintinho, em Maceió (AL), e o Museu do Taquaril, em Belo Horizonte (MG), lançam suas primeiras exposições neste último fim de semana de novembro.

A mostra Memória que o vento não levou…,do ponto de memória alagoano, acontece nesta sexta (30), na Feirinha do Jacintinho, em frente ao Mercado Público, das 7h30 às 13h30, e faz um recorte por meio de fotografias, relatos e filmagens de moradores que lutaram para o crescimento do Jacintinho e de comunidades do entorno.

Uma das imagens que compõem a exposição em Taquaril

Como parte da programação também haverá palestra sobre o tema Museu: a construção do conhecimento na interface do tempo e do espaço, às 16h, com a historiadora Elizabeth Salgado de Souza (Universidade Estadual Santa Cruz -BA), na Escola Estadual Manoel Simplício. Mais informações com Viviane Rodrigues pelos telefones (82) 8843.9311/9698.7928.

A exposição do Museu do Taquaril Fios da Memória: Tecendo os primeiros passos será lançada no sábado , 1º de dezembro, a partir das 9h, no espaço do Ponto de Memória ( Rua Pedro de Cintra, 109, próximo ao CRAS). De acordo com o consultor local do Ponto de Memória, Wellington Pedro, “Muitas serão as memórias aqui tratadas. A maioria delas tecidas nas histórias de seus moradores”. Mais informações pelo telefone (31) 9190.8616.

As exposições dos Pontos de Memória são resultado de pesquisa e realização de inventário participativo realizado por lideranças comunitárias desde 2009, com apoio do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) e da Organização dos Estados Ibero-americanos (OEI).

Texto e imagem: Divulgação Programa Pontos de Memória

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days