Pintura do século XVIII é roubada de museu nacional no Peru

O Ministério da Cultura do Peru anunciou que foi roubada uma das obras do Museu Nacional de Arqueologia, Antropologia e História do Peru (foto), localizado em Lima.

O quadro São Miguel Arcanjo, um óleo sobre tela datado do século XVIII, foi furtado do acervo do museu no dia 13 de dezembro de 2011.

A pintura, que mede 80 x 62 cm, representa a figura de São Miguel Arcanjo em corpo inteiro, camisa branca com peitoral, saia e capa ao vento, sapatos altos, capacete emplumado, asas despregadas, apresentando desenhos em dourado.

O braço direito levantado sustenta uma espada, com a mão esquerda segura um escudo ovalado em tons escuros, com inscrição central em dourado, de onde saem raios em ziguezague. O arcanjo está em pé sobre o abdômen de um demônio alado com parte humana com chifres.

A Delegacia de Repressão a Crimes Contra o Meio Ambiente e o Patrimônio Histórico (Delemaph), braço da Polícia Federal brasileira que atua em cooperação com o Ibram/MinC em casos semelhantes, recebeu a informação do Consulado do Peru no Brasil. Veja o documento original.  

Informações sobre o paradeiro da obra podem ser encaminhadas à Delemaph pelos telefones (21) 2203-4467/4468 ou 4464, ou ainda pelo e-mail delemaph.srrj@dpf.gov.br.

Cadastro nacional
O Instituto Brasileiro de Museus ressalta que informações sobre bens desaparecidos por roubo ou furto de acervos pertencentes aos museus brasileiros podem ser divulgados na base de dados nacional do Cadastro de Bens Musealizados Desaparecidos (CBMD). O Cadastro tem como objetivo possibilitar o rastreamento, a localização e a recuperação desses bens. Acesse o cadastro aqui.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Divulgação

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days