Obras de restauração e ampliação do Museu Victor Meirelles serão entregues no sábado (25)

Museu Victor Meirelles reinauguradoApós três anos, o Museu Victor Meirelles (MVM/Ibram) receberá, neste sábado (25), o prédio que abriga a sua sede histórica. A casa onde o artista nasceu passou por obras de restauração e ampliação realizadas com os recursos do PAC Cidades Históricas, do Governo Federal.

Executado com um investimento de R$ 4,82 milhões, o projeto integrou os dois edifícios – o antigo sobrado luso-brasileiro, do final do século XVIII, que abriga o Museu Victor Meirelles desde 1952, e o edifício adjacente, da década de 60, cedido pelo governo do Estado de Santa Catarina, ampliando a área do MVM de 400,00 m² para 740,00 m².

O Museu recebeu um elevador que atenderá simultaneamente os dois edifícios, configurando-se como forte elemento de ligação entre as diferentes arquiteturas. O ambiente interno agora dispõe de um auditório, uma grande ala de exposições temporárias, além de salas para oficinas de arte diversas. Foi incluído um espaço de convivência social, que servirá para contribuir com a manutenção e sustentabilidade do museu.

Além disso, o MVM passou por melhorias gerais, como climatização, nova iluminação, implantação de condições de acessibilidade e segurança. Durante as obras, que contaram com participação da Prefeitura Municipal e do Governo de Santa Catarina, o Museu Victor Meirelles permitiu ao público conhecer mais sobre a restauração e também sobre o trabalho de arqueologia conduzido no local.

A cerimônia que será promovida pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) contará com a presença do ministro da Cidadania, Osmar Terra, do diretor do Departamento de Projetos Especiais do Iphan, Robson de Almeida, da superintendente do Iphan-SC, Liliane Nizzola, do presidente do Ibram, Paulo Amaral, e da diretora do Museu Victor Meirelles, Lourdes Rossetto, entre outras autoridades locais.

Desde o início das obras, o Museu está funcionando em uma sede provisória e com a entrega do prédio histórico, o MVM iniciará a as etapas de aquisição de mobiliário, projetos complementares e de transferência do acervo, com transferência definitiva das suas atividades para o segundo semestre de 2019.

No momento, o Museu está com a exposição “A Casa da Porta Verde”, com concepção e curadoria realizada de forma coletiva pelos servidores do museu, que será a última realizada na sede provisória (Rua Rafael Bandeira, nº 41, no Centro – Florianópolis/SC). Na última quinta-feira (16), o museu disponibilizou todo o seu acervo museológico numa plataforma online, possibilitando o acesso a 235 obras do Museu pela internet.

Texto: Ascom Iphan
Edição: Ascom Ibram

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days