Museus Mariano Procópio e Imperial recebem visita da Ministra da Cultura

marianoDois museus emblemáticos para a história do Brasil receberam a ministra Marta Suplicy e o presidente do Ibram, Angelo Oswaldo, nesta quarta-feira (2). Os museus Mariano Procópio, em Juiz de Fora, e Imperial, em Petrópolis, juntamente com outras 10 instituições receberão aporte da Petrobras, por meio de um acordo da estatal com o Ministério da Cultura.

São 20 milhões investidos a partir deste ano e que, junto com outras ações do Ministério, irão deixar como legado uma infra-estrutura de equipamentos e serviços no setor museal. Veja os museus contemplados aqui.

Para Marta Suplicy, é fundamental que as instituições dialoguem, uma vez que suas coleções contam a história do império no Brasil. “Os dois museus abrigam parte importante da história do nosso país. Uma das grandes consequências desse investimento é pensar num percurso museológico. Já pedi para os diretores dos dois museus trabalharem nisso.”

Mariano Procópio

Acompanhados do diretor do museu, Douglas Fasolato, da deputada federal Margarida Salomão (PT/MG), do prefeito de Juiz de Fora, Bruno Siqueira, e de autoridades locais, Marta Suplicy e Angelo Oswaldo conheceram os prédios que abrigam a instituição e parte da reserva técnica do museu.

O museu encontra-se fechado há alguns anos. O investimento de R$ 2 milhões da Petrobras, somado a outros aportes recebidos, será fundamental para a reabertura ao público. “O Museu Mariano Procópio tem um acervo nacional riquíssimo e precisa ser reaberto em tempo recorde”, ressaltou Angelo Oswaldo. Com os recursos liberados espera-se que parte do museu seja devolvido ao público no início do próximo ano.

Douglas Fasolato, diretor do museu, prestou uma homenagem a Ministra, e a presenteou com uma pasta com informações sobre a ligação da família de Marta Suplicy com o museu. O avô dela foi doador da instituição.

Museu Imperial

À tarde, a visita foi a Petrópolis, que receberá 7 milhões. Serão R$ 5 milhões investidos no Museu Imperial e outros R$ 2 milhões no Palácio Rio Negro, pertencente ao Museu da República, todos vinculados ao Ibram.

Wilson Santarosa, diretor da Petrobras, representou a presidente Graça Foster na visita, e afirmou que a cultura está no DNA da estatal, que tem muita honra de investir na requalificação de museus.

Também acompanharam a comitiva, o diretor do Museu Imperial, Maurício Vicente, e Magaly Cabral, diretora dos museus da Repulica e Palácio Negro e o prefeito da cidade, Rubens Bomtempo.

Foto: Leonardo Costa

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days