Museus e espaços culturais podem participar do Movimento Outubro Rosa

Museu Imperial em Petrópolis já se iluminou para o Outubro Rosa

O movimento popular Outubro Rosa, dedicado à conscientização sobre a prevenção do câncer de mama, convida os museus brasileiros a participarem da edição deste ano da campanha, marcada pela ação de iluminar de rosa monumentos, prédios e espaços públicos.

O Outubro Rosa começou na década de 1990, nos Estados Unidos, onde uma lei tornou outubro o mês nacional de prevenção do câncer de mama. O nome do movimento remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra a doença e estimula a participação da população, empresas e entidades no seu combate.

As ações do movimento buscam sublinhar a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama. Para sensibilizar a população, inicialmente as cidades se enfeitavam com os laços rosas, principalmente nos locais públicos. A ação de iluminar de rosa monumentos surgiu depois e é hoje replicada em vários países do mundo.

Para aderir à campanha, basta que, durante o mês de outubro, os museus brasileiros iluminem de rosa suas fachadas ou parte delas, ou apenas exibam um facho de luz nesta cor. Instituições como o Museu Nacional de Belas Artes e o Museu Imperial, vinculados ao Ibram/MinC, já se engajaram na iniciativa em outras edições. Saiba mais.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Divulgação Museu

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days