Museus Ibram/MinC comemoram Dia Internacional dos Direitos Humanos

Dois museus ligados ao Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) têm programação gratuita em torno do Dia Internacional dos Direitos Humanos. 10 de dezembro foi a data instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 1950 para lembrar a importância da Declaração Universal do Direitos Humanos como marco regulador das relações entre governos e pessoas.

O Museu da Abolição/Ibram, localizado no Recife (PE), promove no próprio dia 10 de dezembro, uma mostra de música que celebra a data: Abolisound. Haverá shows das 10h às 22h, com a apresentação de bandas que utilizam o Laboratório de Experimentação Musical do Museu da Abolição – projeto que oferece espaço gratuito para músicos criarem e compartilharem suas composições.

As exposições do museu também estarão abertas ao público. Haverá ainda uma feira de artesanato das 15h às 22h.  O Museu da Abolição localiza-se à Rua Benfica, n° 1150, Madalena. Saiba mais.

 

Tradições populares
Já em Vassouras (RJ), o Museu Casa da Hera/Ibram, nos dias 9 e 10 de dezembro, organiza atividades em torno do tema Igualdade de Direitos – cujo intuito é ampliar o debate acerca da luta contra o preconceito a partir da valorização das manifestações culturais.

No dia 9 apresentam-se grupos que cultivam tradições que remontam ao século XIX no Vale do Paraíba fluminense, como jongo (foto), maculelê e capoeira. E no dia 10 acontecem palestras com representantes da Universidade Severino Sombra, Memorial Judaico de Vassouras e Conselho Estadual dos Direitos dos Negros. O evento conta ainda com apoio da prefeitura local. Veja a programação completa.

Texto: Divulgação museus Casa da Hera e Abolição
Foto: Casa da Hera/divulgação

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days