Ibram sugere à Unesco instrumento para proteção do patrimônio museológico

O presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC), José do Nascimento Júnior, está na França para apresentar proposta de instrumento normativo para a Proteção e Promoção do Patrimônio Museológico e Coleções na Comissão de Cultura da 36º sessão da Conferência Geral da Unesco.

Se for adotado, o documento já aprovado pelos ministros de países Ibero-Americanos na XIV Conferência Ibero-Americana de Cultura, realizada no Paraguai, trará fôlego novo à ação internacional no combate ao tráfico ilícito de obras culturais.

“Assim como evoluem as táticas criminosas no furto, roubo, transporte e revenda de objetos culturais, financiadas por um mercado que movimenta milhões de dólares ao ano, é necessária uma integração entre os países para o combate ao tráfico de bens culturais”, explica o documento. A proposto deve contribuir para o diálogo na busca de soluções para os riscos que ameaçam o patrimônio museológico e as coleções em todo o mundo.

Texto: Ascom/Ibram

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days