Campanha: Ibram apoia o movimento Outubro Rosa

O mês de outubro é dedicado às campanhas de prevenção ao câncer de mama em todo o mundo. O objetivo é chamar atenção para a realidade atual do câncer de mama e a importância do diagnóstico precoce.

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) apoia a campanha. Dentre os museus que já participaram e vêm participando da campanha estão o Museu de Arte Religiosa e Tradicional de Cabo Frio (RJ), Museu Casa Histórica de Alcântara (MA), Museu Nacional de Belas Artes (RJ), Museu Casa de Benjamin Constant, dentre outras unidades museais que compõem a rede Ibram.

O Museu Casa dos Ottoni/Ibram, na cidade de Serro (MG), promove uma palestra gratuita com Ludmara Farnezi, no dia 24, às 19h, para esclarecer os interessados sobre o câncer de mama.

A proposta
O movimento popular é conhecido como Outubro Rosa. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades.

As ações são direcionadas a conscientização da prevenção pelo diagnóstico precoce. Para sensibilizar a população inicialmente as cidades se enfeitavam com os laços rosa, principalmente nos locais públicos, depois surgiram outras ações como corridas, desfiles de moda, partidas de boliche etc.

A ação de iluminar de rosa monumentos, prédios públicos, pontes, teatros etc, surgiu posteriormente, e não há uma informação oficial, de como, quando e onde foi efetuada a primeira iluminação. O importante é que foi uma forma prática para que o Outubro Rosa tivesse uma expansão cada vez mais abrangente para a população e que, principalmente, pudesse ser replicada em qualquer lugar, bastando apenas adequar a iluminação já existente.

Texto: Ascom/Ibram

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days