Exposição indígena Ymaguaré no Forte Defensor Perpétuo (RJ)

O 14º Ymaguaré – Mitos e Lendas Indígenas, evento que reúne a etnia Guarani e outros povos da Mata Atlântica, aconteceu de 9 a 11 de dezembro no Forte Defensor Perpétuo/Ibram, em Paraty (RJ). Uma exposição com alguns dos melhores trabalhos dos artesãoes dessas comunidades fica em exibição no Salão da Tropa do Museu Forte Defensor Perpétuo até 17 de fevereiro.

O encontro foi marcado pelo lançamento do documentário Tupã Rembiapó, registro dos costumes da aldeia de Paraty-Mirim, realizado pela Associação Nhandeva, pela apresentação do coral de Paraty-Mirim e Araponga, além de oficinas de cestaria, dança e arco-e-flecha, e concursos de esculturas, cestaria indígena e tradicional.

O concurso de cestaria tradicional (Viejo Award), que teve o apoio do Poeh Center do Pueblo de Pojouaque (Novo México, EUA), premiou os artesãos Ronaldo Rodrigues, de Paraty-Mirim, e Marciana Oliveira, da aldeia de Araponga, na categoria de Cestaria Indígena, e Isaque Oliveira e Sebastião da Silva, no concurso de Esculturas de Madeira.

O Ymaguaré integra o calendário cultural de Paraty desde 2003. Em 2004, foi considerado um dos dez melhores projetos culturais do Estado de Rio de Janeiro no concurso Cultura Nota 10, promovido pela Secretaria de Cultura do Estado do Rio em parceria com a Unesco.

O 14º Ymaguaré é realizado pela Associação Artística Cultural Nhandeva, este ano em parceria com o Museu Forte Defensor Perpétuo/Ibram. O evento conta com apoio da Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro, da Prefeitura Municipal de Paraty, do Museu do Índio/Funai e do Iphan/MinC.

Texto e fotos: Divulgação Forte Defensor Perpétuo

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days