Exposição leva trabalhos de jovens artistas para Museu do Diamante

Como estratégia de abrir o espaço para a arte contemporânea e apoiar os artistas locais, o Museu do Diamante/Ibram, localizado em Diamantina (MG), apresenta o trabalho dos artistas Miguel Urion e Leandro Galhardo, de 25 de janeiro a 18 de fevereiro, na exposição Flores do inverno.

Pintura de Miguel Urion: busca do feminino

A proposta dos dois jovens artistas, apresenta  experimentação e irreverência, percorrendo vários estilos, testando técnicas e suportes, em busca de uma expressão própria.

Miguel Urion viajou por vários países e vivenciou culturas diversas. Nasceu no Ceará, em 1989, indo para a Guiana Francesa, aos três anos e, mais tarde, para uma pequena cidade no sul da França, voltando ao Brasil em 2005.

Leandro Galhardo é skatista, paixão que divide com Miguel, e seu trabalho, assim como o esporte que pratica, é marcado por manobras desafiantes e movimentos arrojados. “Skate e arte de rua sempre estiveram juntos: de repente, onde havia tinta eu estava”, diz Galhardo. “Encontrei no stêncil o que procurava, se é que sabia o que me faltava”.

A intenção dos trabalhos é exprimir uma imagem de mulher que se distancia de estereótipos e busca uma ‘feminilidade’ por meio da arte. “A arte está mais do que viva, está gritando desespero para ser vista e ouvida”, conclama Urion.

A abertura da exposição acontece dia 25 de janeiro, às 20h, no Museu do Diamante/Ibram. Saiba mais.

Texto e imagem: Museu do Diamante/Ibram

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days