Duas exposições em cartaz no Museu Histórico Nacional (RJ)

O Museu Histórico Nacional (MHN), que integra a estrutura do Ibram/MinC, exibe ao público, desde 9 de abril, duas exposições: A Arte Entre Quatro Olhares e A Arte à Serviço da Fé – Tesouros do Museu Histórico Nacional.

Em A Arte Entre Quatro Olhares, a busca constante por respostas aos desafios da modernidade é colocada a partir das particularidades do olhar feminino, retratadas nas esculturas das artistas Alice Pitaluga, Dirce Cavalcanti (Darja), Maria Isabel Fragoso (Mabel) e Teresa Oliveira Santos. A exposição pode ser vista até 26 de maio.

Já a mostra A Arte à Serviço da Fé – Tesouros do Museu Histórico Nacional, em cartaz até 28 de julho, reúne 390 peças da vasta coleção de arte sacra do MHN, entre as quais estão pinturas, esculturas em madeira e marfim, oratórios e objetos da Capela Imperial.

A coleção de marfins religiosos, hoje pertencente ao acervo do Museu Histórico Nacional,  foi formada entre os anos de 1919 e 1930 por José Luiz de Souza Lima, que a penhorou à Caixa Econômica em 1933, sem nunca tê-la resgatado.

Em 1940, em decisão histórica, o então Presidente Getúlio Vargas abriu crédito especial e autorizou o pagamento à Caixa Econômica Federal, resgatou a coleção e fez a doação ao MHN. Saiba mais.

Texto e foto: Divulgação MHN

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days