Conexões Ibram em Minas Gerais encerra-se hoje (29) em Belo Horizonte

O primeiro dia do projeto Conexões Ibram Minas Gerais foi intenso. O evento, que começou nessa quarta-feira, 28 de novembro, no Museu Mineiro, e vai até hoje (29), já discutiu quatro temas: iMuseus, Estatuto e Plano Nacional Setorial de Museus, além de Gestão de Riscos ao Patrimônio Musealizado Brasileiro.

Como nas outras edições, o evento teve início com a assinatura de um acordo de cooperação entre o estado, representado pela Secretária de Cultura, Elaine Parreiras, e o Ibram, representado pela Coordenadora Geral de Sistemas de Informação Museal, Rose Miranda.

Em sua fala, ressaltou a importância do Conexões Ibram para o setor museal de Minas Gerais, uma vez que o programa promove ações de aproximação do Governo Federal com os museus e com os governos estaduais. Ela destacou que a regulamentação do Estatuto dos Museus, que deve acontecer ainda este ano, irá fortalecer ainda mais o setor.

Eliane Parreiras falou do papel dos museus e centros de memória como polos de irradiação de cultura. Para ela, a parceria com o Ibram é de fundamental importância para o estado e irá gerar frutos. Ela destacou, por exemplo, o programa Minas Território da Cultura, que será lançado pela Secretaria em 2013 e que objetiva, entre outras coisas, discutir as políticas públicas de museus nas diversas regiões do estado. Saiba mais sobre o projeto Conexões Ibram.

Texto: Ascom/Ibram

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days