Começa no Rio a 23ª Conferência Geral do Conselho Internacional de Museus

Mais de dois mil representantes de museus e instituições museais de todo o  mundo estão no Rio de Janeiro para participar da 23ª Conferência Geral do Conselho Internacional de Museus (Icom).

Ministra da Cultura falou na abertura da Conferência Icom Rio2013

A abertura oficial, nesta segunda-feira (12), na Cidade das Artes, contou com a presença da Ministra da Cultura, Marta Suplicy, do presidente do Icom, Hans-Martin Hinz, do presidente do Ibram, Angelo Oswaldo de Araújo Santos, da presidente do Icom Brasil, Maria Ignez Mantovani, e de diversas autoridades do setor museal.

Maria Ignez Mantovani ressaltou a importância da realização do evento no Brasil, que é o maior encontro de museus do mundo, e da relevância do tema Museu (Memória+Criatividade) = Mudança Social, discutido pela primeira vez no âmbito do Icom. Para ela, o encontro é “um sopro de renovação” e uma oportunidade para diversas culturas conhecerem os mais de três mil museus do Brasil.

Para a Ministra Marta Suplicy, “o Brasil vive um momento sem igual: estamos recebendo diversos eventos de relevância internacional e queremos mostrar para o brasileiro e para o turista a diversidade cultural do país”. Suplicy ressaltou o fortalecimento da área museal nos últimos dez anos, a partir da Política Nacional de Museus (PNM), desenvolvida pelo Ibram e  seus resultados dessa política.

A 23ª Conferencia do Icom segue até sábado (17). Durante a semana, os participantes discutirão temas relevantes para o setor museal e conhecerão museus e iniciativas museais do Rio de Janeiro. Saiba mais.

Texto: Ascom/Ibram
Foto: Pércio Campos/MinC

Matéria relacionada
Memória afro-brasileira é destaque no primeiro dia da Conferência Icom no Rio

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days