Com a presença do ministro da Cultura, MAS é reaberto em Paraty (RJ)

Procissão em Paraty

Procissão por Paraty conduziu imagem de Santa Rita ao MAS

O Museu de Arte Sacra (MAS) da histórica cidade de Paraty (RJ), reabriu as portas no último sábado (13), após quatro anos de amplas reformas.

Administrado pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), órgão vinculado ao Ministério da Cultura (MinC), o museu reúne um diversificado e precioso acervo com importantes relíquias histórico-religiosas da região.

As comemorações da reabertura do museu começaram às 19h30, com uma missa na Igreja Matriz de Nossa Senhora dos Remédios. Na sequência, foi realizada procissão solene, com a presença da comunidade local e de irmandades religiosas.

A tradicional imagem de Santa Rita, que ficou na Igreja Matriz durante a reforma, foi levada ao MAS, juntamente com a imagem de Santo Antônio, onde foi recebida com chuva de pétalas de rosas e muitas palmas. Antes da entrada das imagens no museu, o Mastro da tradicional Festa de Santa Rita, que este ano ocorre entre 10 e 19 de julho, foi erguido em frente, no Largo de Santa Rita.

Após a procissão, foi realizada, no MAS, a solenidade de reabertura, que contou com a presença do ministro da Cultura, Juca Ferreira, do presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), Carlos Roberto Brandão, do prefeito de Paraty, Carlos José Gama Miranda, e do diretor do museu, Júlio César Dantas. Os presentes fora recebidos com apresentações artísticas da Banda Santa Cecília e do Coral da Universidade do Rio de Janeiro (Unirio). Veja fotos da cerimônia.

Compromisso com a cultura
“É uma grande honra fazer parte desta história. É imensa minha alegria. Momentos como este nos animam e revigoram”, afirmou o ministro Juca Ferreira. “A reabertura do Museu de Arte Sacra de Paraty é, em si mesmo, reflexo de um alto grau de comprometimento com nossa historia e nossa arte, com nossa formação, educação e conhecimento”, destacou.

Ministro da Cultura, Juca Ferreira, fala

Ministro da Cultura, Juca Ferreira: “é uma grande honra fazer parte desta história”

O presidente do Ibram agradeceu o empenho da comunidade de Paraty para a reestruturação do museu. “Hoje, eles estão retomando sua igreja, que é um dos cartões postais desta cidade tão bonita e tão importante para a história do Brasil e para a nossa preservação cultural”, ressaltou Carlos Roberto Brandão.

Bastante emocionado, o prefeito de Paraty comemorou a reabertura do museu. “Quem está falando aqui não é o prefeito, mas o morador, o católico, aquele que toca na Banda Santa Cecília. Estamos muito orgulhosos de termos reconquistado esse espaço de tão grande importância para a nossa cidade”, afirmou Carlos Miranda.

As obras do Museu de Arte Sacra de Paraty fazem parte do processo de requalificação do conjunto arquitetônico de Santa Rita, iniciado em 2006. Estão sendo investidos no projeto mais de R$ 2,5 milhões, com recursos do Fundo Nacional de Cultura (FNC), do Ibram e de mecenato via Lei Rouanet, por meio das empresas Caixa, Petrobras, Mango Tree Foundation e Expomus).

A renovação do museu incluiu novo projeto de iluminação, recuperação da estrutura do telhado e da rede elétrica, restauração de parte dos objetos litúrgicos, pintura da fachada e do interior e descupinização dos retábulos. Conheça mais sobre o MAS e outros museus da rede Ibram.

Texto: Alessandro Mendes (Ascom/MinC)
Edição: Ascom/Ibram
Fotos: Janine Moraes (Ascom/MinC)

Matérias relacionadas
Reabertura do Museu de Arte Sacra de Paraty será celebrada com procissão
Museu de Arte Sacra de Paraty reabre suas portas após reforma

 

 

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days