CNIC autoriza captação de R$ 8 milhões para a área de museus

Seis projetos da área de museus foram aprovados na última reunião da Comissão Nacional de Incentivo à Cultura – CNIC, realizada entre os dias 5 e 7 de abril. Na oportunidade, foram analisados 388 projetos culturais. Destes, 371 obtiveram aprovação para captação de recursos por meio do mecanismo de incentivo fiscal da Lei Rouanet, o que soma um total de mais de R$ 313 milhões passíveis de serem investidos em ações culturais, sendo cerca de R$ 8 milhões para os projetos das área de museus.

Ao Ibram, coube a análise dos projetos: IV Jornada de Formação em Museologia Comunitária 2016 e Oficina de Artífices Restauradores em Mobiliário do Museu do Estado de Pernambuco MÓDULO III. Os outros quatro projetos relacionados a museus foram analisados por outras vinculadas. São eles: Murilo Salles – Fotografias 1972-1982; SARAMAGO – Os Pontos e a Vista; Festival Liv Mundi e Oiticica: Dimensão Infinita e Vontade Construtiva Ambiental. Veja a relação de todos os projetos aqui.

Sobre a CNIC

Com uma agenda mensal de reuniões que se revezam entre a capital federal e encontros itinerantes em cidades de diferentes regiões do país, a CNIC é um colegiado formado por representantes dos setores culturais e empresariais, da sociedade civil e do poder público.

A comissão possui caráter consultivo e é responsável por subsidiar o Ministério da Cultura no enquadramento dos projetos culturais às finalidades e objetivos previstos pela Lei Rouanet para a captação de recursos por renúncia fiscal.

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days