Agilidade: CNM terá nova plataforma até o final do ano

A Coordenação de Produção e Análise da Informação do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) promete novidades para o Cadastro Nacional de Museus (CNM) em 2014.

De acordo com a coordenadora, Karla Uzêda, uma nova plataforma tecnológica está sendo criada com o objetivo de possibilitar, entre outros recursos, a comparabilidade com a base de municípios do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e a atualização de informações pelos próprios museus.

Além disso, ela constituirá uma base única de informações no Ibram, evitando a repetição da solicitação das mesmas informações aos museus por diferentes áreas do instituto.

Um novo instrumento de pesquisa também está sendo desenvolvido pela equipe do CNM, para a realização de nova coleta de dados. O novo questionário irá conter 11 blocos de informações sobre gestão, caracterização física, acervo, exposições, atividades educativas e culturais, produção científica, arquivo histórico e biblioteca, gestão de riscos, gestão de pessoas, orçamento e informação ao visitante e acessibilidade.

“A nova versão do CNM vai possibilitar uma busca ágil por informações, além de permitir exportação de dados e geração de gráficos, ampliando o acesso de pesquisadores e interessados na área”, explica Karla Uzêda. De acordo com a coordenadora, a previsão é de que a nova versão da ferramenta esteja disponível para uso do público até o final de 2014. Saiba mais sobre o Cadastro Nacional de Museus.

Texto: Ascom/Ibram

Publicado em

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days