Acessibilidade e museus: dados foram destaque em palestra no Ibram

Na tarde de sexta-feira (22), a palestra Museus e acessibilidade – uma temática contemporânea reuniu cerca de 60 pessoas no auditório do edifício sede do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MInC), em Brasília (DF). O evento foi promovido pelo Programa Nacional de Educação Museal (PNEM) e também fez parte da programação do I Seminário do Sistema de Museus do Distrito Federal, que aconteceu nos dias 21 e 22.

Acessiblidade_PNEM

Isabel Portella apresentou dados relevantes sobre museus e acessibilidade

Na palestra, a coordenadora do Grupo de Trabalho Acessibilidade do PNEM, Isabel Portella, apresentou as várias especificidades que envolvem o tema. Isabel, que é pesquisadora do acervo do Museu da República/Ibram, no Rio de Janeiro (RJ), ressaltou que além das adaptações arquitetônicas e comunicacionais, o treinamento e a sensibilização da equipe são fundamentais para garantir a segurança e a autonomia do visitante com deficiência.

Deficiência e educação
Entre os dados apresentados por Isabel Portella, o número de pessoas com deficiência chamou a atenção de Maria Julia Chelini, do Museu de Geociências da Universidade de Brasília (UnB), que foi uma das debatedoras.

Realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Censo 2010 revelou que quase ¼ da população brasileira (23,9%) tem algum tipo de deficiência, o que representa cerca de 45,6 milhões de pessoas. Julia destacou, ainda, os dados sobre a educação no Brasil e sugeriu uma reflexão sobre como atender essa enorme parcela da população que está deixando de ser atendida nos museus em todo o país.

Rafaela Felício, arquiteta da Coordenação de Espaços Museais, Arquitetura e Expografia (Cemae/DPMUS/Ibram), mencionou o projeto de Requalificação Arquitetônica e Expográfica dos Museus do Ibram e relembrou o trabalho realizado pelo instituto, em parceria com a UFRJ e a Faperj, que resultou em um diagnóstico sobre condições de acessibilidade em museus do Rio de Janeiro. Alguns desses dados estão disponíveis na publicação Cadernos Museológicos: Acessibilidade a Museus, disponível para download na página do Ibram. Saiba mais sobre o Programa Nacional de Educação Museal.

Texto e foto: Ascom/Ibram

Publicado em

Um comentário para “Acessibilidade e museus: dados foram destaque em palestra no Ibram

  1. Parabéns ao grupo pela iniciativa de debater tão importante tema, e sucesso nas ações que a serem implementadas para garantir o pleno acesso aos museus e suas programações. Parabéns Bebel!

Deixe seu comentário

Digite seu comentário
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório e-mail válido)
  3. (obrigatório)
  4. Captcha
 

cforms contact form by delicious:days